6 Caminhos

Animes e Games

sábado, 4 de janeiro de 2020

Superman e Batman confirmados nos Vingadores a Ira de Burror's

Em entrevista ao Eco’r Bugs o diretor contratado pela  Worner, Indy Octavio, confirmou a participação de Batman e Superman em "Vingadores (Avengers) a Ira de Burror’s".
As filmagens devem começar no verão do próximo ano, e tem causado muita polemica nas redes sociais americanas, resta torcer para que a adaptação seja totalmente fiel a sua história original.
Até o momento estas são as únicas informações disponíveis no site oficial e ainda não foi divulgada nenhuma imagem oficial.

sexta-feira, 20 de julho de 2018

O Senhor dos Anéis, o Melhor, o Pior e o mais Incompreendido Filme de Todos os Tempos

Obs. Este Post foi escrito apenas em relação a Trilogia e não leva em conta o seriado.

É realmente curioso que quando o assunto "Senhor dos Anéis" surge, existem duas prováveis respostas a se ouvir:

A primeira e mais incomum:
É que a pessoa diga que gostou do filme.

Enquanto que a resposta mais provável de se ouvir seja que a pessoa não gostou do filme, e o motivo disso, é simplesmente por NÃO TER ENTENDIDO O FILME!

Eu sei, eu sei... ...o filme falta muita explicação em relação ao livro, mas convenhamos, é na verdade bastante fácil de entende-lo, pois toda a história central do "Um Anel" é bem contada, embora os demais (vários) anéis mal sejam mencionados.

As coisas para os "desentendidos" ficam ainda pior quando tentamos colocar O Hobbit junto da história, nesse momento aparecem os mais variados absurdos sobre o assunto...

Então como diria Jack o Estripador ao Batman:


Vamos por partes!

Hoje tentarei lhe explicar um pouco mais sobre todo o motivo a cerca da disputa deste tão importante anel, e como bônus, tentarei falar um pouquinho sobre a mitologia de Tolkien em geral, e o que ela representa como um todo, e como os filmes são pobres em relação aos detalhes.

Antes de tudo é necessário conhecer um pouco mais sobre seu autor, e também alguns de seus motivos para ter escrito os livros:

John Ronald Reuel Tolkien, ou J. R. R. Tolkien para os íntimos, nasceu em 3 de Janeiro de 1892 e faleceu em 2 de Setembro de 1973, Tolkien era britânico, professor universitário, escritor, tradutor de textos antigos e estudante de idiomas "por assim dizer".


Talvez por todos os países vizinhos (Europa) terem em sua história alguma mitologia incrível, é  que Tolkien sentiu uma certa tristeza, pois seu País de origem não tinha algo semelhante como uma grade história envolvendo criaturas fantásticas e povos guerreiros, ainda mais por ter acompanhado de perto o trabalho de Elias Lönrot ao traduzir o Kalevala, o mito Finlandês.
A única mitologia que conhecemos realmente Inglesa é o poema de Beowulf, a qual ficou mais conhecida devido a animação, que inclusive traz Angelia Jolie como uma de suas personagens.


A Lenda de Bowulf

As obras de Tolkien não se resumam unicamente aos livros que compõem o "universo de O Senhor dos Anéis", ou seja, o autor escreveu diversos livros de histórias a parte de seu mais famoso trabalho. 

Tolkien de certa forma tentou criar com suas próprias mãos uma mitologia que fosse inteiramente Britânica, e pudesse representar seu País.
Este fato esse foi confirmado em uma de suas cartas (naquela época não existia Whats App, era tudo por cartas mesmo, as vezes passavam-se meses até que a carta chegasse a quem deveria dependendo de onde se estivesse).

E quando estudamos mitologias, vemos que todas elas possuem alguns pontos centrais, por exemplo:

Na mitologia grega, Zeus o deus trovão enfrenta Tifão, enviado por Hera e criado por uma grande serpente.


Na mitologia nórdica, Thor o deus do trovão enfrenta Jormungadr. a grande serpente de Midgard.


Na mitologia hindu, Indra que também era o deus do trovão enfrenta uma grande serpente novamente.


Nas lendas japonesas Susanoo o deus do trovão enfrenta a serpente de oito cabeças Yamato no Orochi.


Ou seja, sob muitos aspectos podemos dizer que as diferentes mitologias, tratam das mesmas histórias, porém com uma visão diferente dependendo da cultura em sí, sendo contadas nas respectivas línguas de cada povo.

Ao mesmo tempo que Tolkien queria uma mitologia que fosse inteiramente inglesa, ela também precisava se enquadrar nesse contexto de contar a mesma história, tendo seus nomes em linguagens e culturas diferentes.

Motivo pelo qual existem diversas línguas dentro da obra, além de claro muitas semelhanças com lendas e histórias antigas pelo mundo.

Você poderia pensar que se trata apenas de um livro, mas a obra de Tolkien é muito mais do que isso, ela aspira ser uma mitologia completa e não apenas um livro, por isso o termo correto a ser aplicado deveria ser "ESTUDAR as muitas obras de Tolkien" e não simplesmente lê-las.

Você ficaria surpreso em saber quantos, filmes, animes ou games são inspirados nos contos de Tolkien, muitos que provavelmente você é fã e nem mesmo sabia deste fato, como por exemplo Lune de Balrog de Cavaleiros do Zodíaco.
Os Balrogs são criaturas exclusivas da mitologia de Tolkien (assim como também as prisões do Tartaru dentro do anime são inspiradas no livro A Divina Comédia):


Até mesmo o anime Naruto tem lá suas referências com as obras de Tolkien:


O desenvolvimento de cada linguagem e derivações de cada uma delas é simplesmente GRANDIOSO, semelhante ao Latim que mais tarde daria origem as línguas latinas como o próprio português e o espanhol, além de diversas línguas em suas obras, também existem proto-linguagens, ou seja: Idiomas incompletos que deram origem a outros idiomas mais complexos, assim como existe em nossa própria realidade.

Um breve exemplo:
Os três primeiros elfos a despertar (que deram origem as três "raças" de elfos):
O primeiro a acordar chamava-se Imin, seu nome deu origem ao numero 1, e foi o primeiro dos Vaniar (Falarei sobre eles a frente).
O segundo foi Tata, dando origem ao numero 2, o primeiro dos Nodor.
Enel foi o terceiro e deu origem ao numero 3, sendo o primeiro dos Teleri.
Ao despertar a primeira coisa que os elos viram foram as estrelas postas no céu por Varda, pois ainda não havia sol, e por isso seu amor pelas estrelas é grande. Já as esposas de cada elfo viu primeiro seu marido, por isso o amor das mulheres elfas por seus companheiros é tão grande que fez até mesmo com que algumas delas abandonassem sua imortalidade para se unir a seus amados humanos.
Além do mais o numero de elfos despertados inicialmente somou 144, e por muito tempo esse foi o numero máximo na contagem élfica.
Apenas nessa lenda, existem mais pontos relevantes do que os que eu mesmo destaquei, e assim são as obras, em questão de linguagem, tudo tem importância, todos os detalhes, cada palavra de um idioma tem uma história, um "porquê", e até o momento não existe outro paralelo a esta obra.

É curioso que o Idioma Negro usado pelos orcs e o Senhor do Escuro, seja uma fala "toda errada", pois como Tolkien era "amante das palavras", e os orcs criados por ele, eram criaturas que encarnavam tudo de ruim que possa existir, também seria natural que pervertessem até mesmo os idiomas de sua criação.

Muitas das influencias dentro dos livros vem da própria vida do autor, como por exemplo, os Hobbits que espelham o estilo de vida que Tolkien amava, no campo e próximo a natureza.
A passagem nos pântanos mortos cheios de cadáveres, remonta ao período em que o autor servil no exercito durante a primeira guerra mundial, assim como o retorno de Frodo a um condado destruído por Saruman (fato presente apenas nos livros) representa um regresso do autor a sua terra natal destruída pela recente industrialização.


Embora o primeiro livro que Tolkien tenha de fato terminado fosse o Hobbit, que foi escrito para seus filhos, esse não foi o seu primeiro trabalho dentro do universo da Terra Média, já em 1917 existiam os primeiros rascunhos do livro O Sillmarilion, que narra a história completa dos Élfos, e todas as lendas antigas sobre a criação do mundo.


Infelizmente em razão de seu falecimento Tolkien nunca chegou a terminar este trabalho que visava ser o mais complexo de seus livros, então seu filho reuniu tudo aquilo que seu pai deixou e formulou um livro único, bem como fez com outra obras de seu pai, além de publicações mais audaciosas, como um "recente" trabalho de nível acadêmico a respeito das linguás de toda a obra.

Dentro do Silmarillion também é incluído um livro chamado:

"Dos Anéis de Poder"

(não esses anéis...)

Este livro trata da forjadura dos "Grandes Anéis", e explica mais sobre tudo aquilo que não é dito dentro da trilogia do cinema.


Segue abaixo um pequeno resumo de alguns pontos importantes sobre o Silmarillion, obra que precede todas as outras dentro do universo de O Senhor dos Anéis, e logo após incluirei um pouco também sobre o livro Dos Anéis de Poder, e com certeza sua visão dos filmes mudará.

Porém como o livro(s) é extremamente complexo, seria impossível resumi-lo de forma uma adequada, pois mesmo algo chamado de resumo ainda poderia se passar por algum livro sobre a Terra Media:

Em O Sillmarilion, Eru o Único (chamado pelos élfos de Ilúvatar), cria os Ainur para lhe fazerem companhia em sua eternidade, eles seriam os equivalentes aos Anjos e são de duas classes:

Os Vallar, que seriam como os Arcanjos e os Maiar, "Anjos assistentes dos Vallar".

Obs: Os termos Vallar e Maiar, estão no plural, quando nos referimos a apenas um individuo seria, um Maia, ou um Valla. Estamos acostumados a apenas acrescentar um s no final da palavra para torna-la plural, pode ser assim em muitos idiomas, mas também existem muitos que tem uma forma de plural diferente desta.

Inicialmente os Ainur cantavam para Eru, porém como cada um deles havia nascido de um aspecto da mente de seu criador, seria apenas este aspecto que os mesmos conheciam, por isso cantavam individualmente. Com o passar do tempo e ao observar seus irmãos, cada um deles passa a entender melhor os diferentes aspectos que deram sua origem e se unem em um unico coro.
Após isso Ilúvatar e os Ainur tocam uma grande sinfonia que prevê toda a vida e tudo o que existe, incluindo Valinor, as terras imortais dos Élfos e Arda, a Terra Média dos homens, bem como revela aos Ainur, parte daquilo que ainda está por vir, até o "último dia".

Durante a criação cada Ainur foi responsável, por desenvolver um elemento que estaria presente no mundo físico, segundo a perfeita orientação de Eru, que mais tarde "expandiu" cada elemento criado por eles, dando-lhes infinitas possibilidades, por exemplo a água Eru Ilúvatar fez como tivesse a possibilidade de se mover em rios ou pelo mar.

Afim de governar e terminar sua obra, Ilúvatar permite que sete Vallar acompanhados de suas sete esposas (Valiës) desçam ao mundo, mas com eles desce também Melkor, que tinha o desejo de criar e dar vida por si mesmo, antes mesmo da criação da Terra, este foi seu intento, porém foi repreendido por Ilúvatar, que mostrou que Melkor foi apenas mais um instrumento da vontade perfeita, pois em sua fúria o Vala impôs o calor, e assim conferiu a água a capacidade de se evaporar, e se tornar em nevoa. Ele também impôs o frio tentando destruir a criação, e sem perceber deu a capacidade a água de se congelar, e assim criou o floco de neve, e isto foi bom.
E tendo visto que "foi usado", seu rancor e maldade cresceram e seguiu os outros Valar para dentro do mundo afim de torna-lo seu.

Devido ao seu ódio contra os outros Vallar ele foi o primeiro senhor do escuro, Melkor sendo um Valla poderoso em majestade, ainda que com o tempo ela tenha se tornado em trevas e desespero, seduziu diversos espíritos da classe dos Maiar e de outras classe abaixo para seu lado (diz-se que seus generais orcs eram Maiar reencarnados), dentre eles também estava aquele que seria seu braço direito nas guerras futuras:

Sauron o Maia

Durante toda a criação, dos Vallar (Eru os incumbiu de terminar a criação e após isso governar o mundo), Melkor os atrapalhava, quando enchiam os mares, Melkor os fazia transbordar, quando criaram as montanhas, Melkor as fazia desmoronar, mas mesmo com todo o intento do inimigo da criação de Ilúvatar, os Vallar enfim terminaram a criação do mundo.

E logo os primeiros filhos de Eru viriam ao mundo, eles seriam os élfos, seres imortais, que dentro da obra de Tolkien representam "aquilo" que o homem seria se não tivesse dado ouvidos a voz serpente tentadora no Jardim do Édem.
Os Quendi (como eles mesmo se chamam), são basicamente de três tipos:

Os Vanyar, os élfos louros, são os mais belos, melhores nas artes e mais amados por Manwë (Governante supremo dentre os Vallar), sendo os maiores em sabedoria e também os menos numerosos.

Os Noldor, que são aqueles com maior poder de combate.

E os Teleri, que são um pouco "menores" que seus irmãos sendo os mais parecidos com os humanos e também os mais numerosos, foram ignorados por Melkor quando este tentou atrair os Élfos para seu lado por meio de mentiras e trapaças.

Claro que dentre as raças existem muitos desdobramentos e diferentes povos, listar todos aqui seria uma tarefa difícil.


Os Éllfos acordaram na Terra Média em meio a escuridão, mas foram convocados pelos Vallar a viverem em Valinor, as Terras Imortais, e para que houvesse luz, os Vallar criaram Telperion e Laurelin, as arvores dourada e prateada que iluminavam toda Valinor.
Tais arvores, foram criadas por Yavanna a "Provedora de Frutos".


Entretanto Arda permanecia na escuridão.

E isto também causa divisão aos élfos, pois Oromë, o Maia "assistente" de Manwë vem a Terra Média convoca-los para as terras imortais, contudo havia um grupo de Teleri que não se encontrava com o grupo principal de elfos, e estes por nunca terem ouvido sobre os Vallar se tornaram os élfos da escuridão sendo todos Teleri.
A viagem da Terra Média par ao reino abençoado, levou séculos, e durante o caminho, muitos deles se recusaram a continuar, estes eram os Avari, que significa os relutantes, são élfos que ouviram falar dos poderes (Vallar significa os poderes do mundo, pois eles governam os "aspectos" de toda a criação) mas nunca os viram. Destes a maioria eram Teleri, e havia também uns poucos Noldor.
Todos aqueles que chegaram a Valinor, conheceram os Valar e viram a luz das árvores, são chamados de élfos da luz, e deles muitos retornaram a Terra Média, porém nenhum dos Vaniar retornou.

Da luz das árvores Fëanor (um Noldo) cria as três Silmarils, que são gemas preciosas que brilham com a luz das próprias árvores.

Posteriormente Melkor e Ungoliant (mãe de todas as aranhas que aparecem no Hobbit e em O Senhor dos Anéis, é um espirito de uma classe menor, porém dentre eles também haviam espíritos equiparáveis aos Vallar), derrubam as duas árvores, mas no meio da fulga Ungoliant trai Melkor e o ataca, mas o mesmo é salvo por seus Balrógs (sim, existem varios balrógs, porém como eles são "criação" de Melkor, Saurón não os controla).


Melkor não possuía a chama impermeável, e para fazer suas "criações" ele usava qualquer outro ser criado por Ilúvatar como base, e após tortura-lo, mutila-lo e o corromper, esse ser se convertia em seu escravo.
Melkor basicamente usava a alma de seres vivos já existente como base para suas criações sinistras, e dele mesmo lhes passava poder e trevas, ao passo que diminuía a sí próprio quando o fazia.

Os Élfos supunham que os orcs provavelmente seriam élfos escuros, que foram deturpados por Melkor, mas isso só diz respeito a uma das raças de orcs, pois existem varias, algumas feitas a partir de homens. Assim ele também usou outras criaturas e as corrompeu, criando monstros, lobisomens, vampiros (sim, vampiros), mas para suas duas maiores "criações", os balrógs e os dragões, espíritos de classes menores foram usados, por isso seu poder era maior do que o de qualquer outro povo livre da Terra Média. Outro detalhe muito interessante é que Melkor e seus servos odeiam a luz, por isso os Vallar criaram o Sol de um fruto de Telperion e a Lua de uma folha de Laurelin, para que assim elas "inibissem" as atividades de Morgoth (como era chamado pelos Élfos), e o Sol e a Lua passavam por todo o céu, e a noite afundavam na Terra e percorrem por túneis apressadamente até se levantarem do outro lado novamente, ambos eram guiados por Maiar que se ofereceram, Tilion era a Lua, enquanto o Sol era guiado por Arien.

Após o abatimento das árvores da luz as silmarils eram os únicos objetos que as poderiam trazer de volta, pois possuíam parte de sua luz, mas claro que Fëanor, seu criador se recusa a entrega-las a Vala Yavanna.
Durante este processo Melkor assassina Fiwë, rei dos Noldor e pai de Fëanor, e foge com as pedras para a Terra Média.  Melkor fez uma coroa para si e incrustou as pedras na mesma, mas devido a pureza de sua luz e as bençãos de Varda, as pedras lhe causavam grande dor e cansaço, mas mesmo assim ele jamais tirou sua coroa.

Fëanor acompanhado pela maior parte dos Noldor juram recuperar as pedras e partem para a Terra Média, mas para atravessar o mar que separa as duas Terras, agora tomando pelo poder de congelamento de Melker, eles precisam de barcos, que não possuem.
Porém os Teleri possuem muitos barcos, mas se negam a cede-los aos Noldor, e como resultado os Noldor assassinam quase todos os Teleri, roubam seus barcos e atravessam o mar.
Porém ao fazer isso, os Noldor foram amaldiçoados por Manwë, e tal maldição instiga a traição entre eles, fazendo com que Fëanor, atravesse com seus seguidores nos barcos e logo após os ateia fogo, deixando seu irmão Fingolfin e seus seguidores para traz, fazendo com que os mesmo tenham que atravessar todo o gelo com grandes perdas.
Finarfin, o terceiro irmão se arrepende das mortes e renuncia a partida permanecendo com seus seguidores em Valinor.
E dentre to príncipes dos Noldor, Galadriel foi a única a retornar viva a Valinor no final da Terceira Era.

Os homens eram os segundos filhos de Ilúvatar, chamados de os sucessores, por terem despertado milhares de anos após os élfos, e a morte era um presente de seu criador, já que dessa forma poderiam se libertar deste mundo, ao passo que os élfos teriam de permanecer nele até o último dia.

A guerra entre os Noldor e homens (se aliaram aos élfos) contra Morgoth atravessou séculos e levou a queda dos altos Élfos, exceto por um pequeno numero deles.


Houveram inúmeros combates contra Melkor, dos quais até mesmo os humanos participaram em ambos os lados, até que os Vallar interviram e derrubaram o Senhor do Escuro, e o mesmo veio a ser banido para o mundo vazio no final da primeira era.
Grandes muros foram erguidos na beirada do mundo, de onde a guarda nunca descansa sua vigília, afim de impedir seu regresso. Familiar?


Então os Vallar intimaram Sauron a pagar por seus crimes, e mesmo se mostrando favorável a pagar sua divida ele teve medo e fugiu, ressurgindo mais tarde dizendo ser o próprio Morgoth retornado, assim tentou fazer guerra novamente culminando na destruição de Numenor, um povo humano porém "descendentes" de élfos que possui longevidade 3 vezes maior que os homens inferiores, são os ancestrais de Aragonr.
Quando a maior parte dos numenorianos se tornam "seguidores de Morgoth", aqueles que permaneciam fiéis a Ilúvatar, navegaram para a Terra dos Vallar para pedir auxilio aos mesmos, e então eles renunciam ao mundo pedindo ajuda a Erú (Ilúvatar), que intercede por eles.
Ilúvatar então separa o mundo "mortal" do "imortal", fazendo com que quando homens mortais naveguem pelos mares, eles deem a volta até chegar no mesmo ponto que partiram, pois os mares se tornam "redondos", enquanto que quando se tratar de Élfos a navegar, os mares tornam-se planos e eles podem escapar dos limites do mundo e navegar para Valinor.


Trocando em palavras mais simples: No mundo de o Senhor dos Anéis, a Terra é Plana, mas para que os homens não cheguem as Terras Imortais novamente, o mundo se torna redondo quando eles saem em viagem, ou seja torna-se de fato um Planeta.

 Todos acharam que Sauron foi morto durante a destruição de Numenor e a mudança do mundo, mas apenas seu corpo físico foi apanhado, e os Ainur podem fazer para si um corpo físico com a mesma facilidade com que trocamos de roupa, e Saúron vendo que os Vallar não mais poderiam interferir na Terra Média, ressurge novamente afim de governa-la plenamente, assim ele traça um novo plano e assume a identidade de Anatar o Senhor dos Presentes, e convence o Noldo Celebrinbor o maior artesão Élfico da Segunda Era a criar os Anéis de Poder.


Não apenas um, mas muitos e muitos Anéis Mágicos foram forjados nesta era, todos eles sendo simples anéis comuns, aos olhos de quem quer que fosse, e tendo vários poderes como:
Conferir longevidade ao portador, entendimento, invisibilidade entre outros dons.

Então Anatar (Saurón) convenceu Celebrinbor a forjar anéis ainda melhores para presentear aos "lideres" de cada raça, assim ele mesmo mais tarde forjaria em segredo um Anel Mestre que dominaria os outros, e dessa forma ele controlaria os lideres de cada raça, controlando na pratica toda a Terra Média, mas o plano teve algumas falhas:

Os primeiros Anéis feitos foram os sete anéis dos Anões.
O numero de sete Anéis, remonta aos Sete Pais dos Anões criados pelo Valla Aulë.
Quando ele os criou baseado em como ele achava que os homens seriam, lembrando-se da visão que teve deles na época da musica dos Ainur, seu conhecimento sobre os homens não era completo, então eles foram criados de "forma errada" em relação a como seriam os homens, assim eles "saíram Anões".
Porém como apenas Ilúvatar pode dar vida, os anões se moviam apenas pela vontade Aulë, não estando exatamente vivos, mas ao ser repreendido, diferente de Morgoth, Aulë se arrepende e pede perdão, então Erú confere vida aos anões, mas faz com que fiquem adormecidos pois ainda nem mesmo os élfos haviam acordado, e eles deveriam ser os primeiros, os anões esperariam sua vez..
Mesmo tendo perdoado a precipitação de seu filho, Erú profetizou que sempre haveria discórdia entre os filhos de sua própria criação e aqueles trazidos por Aulë, porém a inimizade dos Élfos e Anões, se deu na ocasião em que o rei Tinghol dos Teleri, quis que os anões como os quais negociava, incrustassem uma das Silmarils recuperadas de Melkor por Beren em um dos magníficos colares Anões, o Nalglamír, aos quais ficaram indignados e assassinaram o rei élfico, mais tarde contaram uma versão corrompida aos de sua raça, alegando terem sido traídos pelo rei, gerando assim todo o conflito posterior entre Élfos e Anões.


Os anões também não se davam muito bem com os Ents, de certa forma "filhos" de Yavanna, esposa de Aulë.

Os Anéis destinados aos Anões atraiam ouro e tornavam seus portadores gananciosos, e o ouro sempre atraiu os dragões, assim quase todos os anéis dos sete Anões foram destruídos pelo fogo dos dragões.

Os próximos Anéis que seriam criados, foram os dos Élfos, sendo três anéis, pois inicialmente foram feitos três familias de Élfos distintas entre sí, mas os mesmos perceberam os planos de Sauron, o percebendo assim que ele pôs o Um Anél no dedo, e esconderam seus próprios Anéis, e dessa forma evitaram serem pegos na armadilha do inimigo.

Um anel estava com Galadriel, dos Noldor, e outro com Elront, o meio Élfo de Valfenda (tem muita história nisso também, postarei abaixo pra não mudar de assunto), o terceiro anel encontraria um guardião diferente futuramente.


No filme o Hobbit, é citado sobre a existência de cinco magos, estes magos são na verdade Maiar mandados a Terra Média pelos Vallar para ajudar os povos de lá já que eles mesmo não poderiam mais intervir, ou seja, eram na verdade espíritos da mesma classe de Sauron, porém os mesmos vieram disfarçados em forma humana e sua missão era apenas aconselhar e incitar a revolta contra o inimigo sem interferir diretamente.
Cirdan o Armador deu o anel de fogo, que tinha o dom de inflamar os corações a Gandalf, pois sabia de sua verdadeira identidade, mas claro tudo isso não é mostrado no filme, talvez pelo fato do cinema ter os direitos apenas do senhor dos anéis em sí e estes fatos serem relatados no livro, Dos Anéis de poder.

Já os nove anéis humanos, dados aos nove reis foram totalmente dominados por Sauron, pois os homens eram a raça mais fácil de ser corrompida.
Para criar o Anél Mestre, Sauron pois muito de seu próprio poder dentro deste anél, Semelhante ao que Melkor fazia em suas criações, porém em escala menor, pois Saurón é inferior a Morgoth, ele era apenas um de seus servos.
Diferente do filme ele não perde seu corpo quando Isildur arranca o anél de seu dedo, no final da Segunda Era, tanto que foi o próprio Saúron a interrogar Golun, quanto ao paradeiro de seu anél.
Porém como o Anel tinha parte de seu poder, Sauron fica obviamente muito enfraquecido, por isso era imprescindível destruir o Anel, para que Sauron fosse reduzido a um espírito menor sem grandes poderes.

Todos os outros anéis dados aos lideres de cada raça eram incrustados com joias preciosas, diefente do Anél de Sauron que era simples, semelhante aos outros anéis menores que haviam sido feitos antes dos Grandes Anéis.
Esse é o motivo de Gandalf não ter percebido que aquele era o Um Anel de Sauron, quando o viu com Bilbo.

E deste ponto em diante é que estão situados os acontecimentos do filme, claro que de maneira muito resumida se comparados aos livros, mesmo que cada filme tenha mais 3 horas.

Sobre Aragonr e Elrond

Existe outro livro chamado Beren e Luthien. Beren é um humano e Luthien a élfa mais bela a pisar na Terra média (mais bela que Galadrél).
Luthien era filha do rei Tinghol dos Syndarin e Melian da raça "divina" dos Maiar, assim ela foi a élfa mais bela de todas.
Durante a jornada do casal (primeira era) em que se defrontam com Saurón e posteriormente com Morgoth, Beren é morto, mas por reconhecer o valor do que fizeram os Vallar conferem nova vida a ele, e uma escolha a Luthien:
Ficar com seu povo e ser separada de Beren por um destino que vai além do fim do mundo, ou se tornar mortal, e ser separada pelo mesmo destino de toda sua raça e família.
Luthien escolhe Beren (lembra-se do despertar das élfas?) e eles tem dois filhos:
Elrond e Elros.
Sendo eles "meio élfos", os Vallar permitem que escolham seus próprios destinos, então Elrond se torna um élfo, enquanto Elros se torna humano, mas tem sua longevidade aumentada sendo o primeiro dos Dunedai (Numenorianos). Gondor é um reino "subordinado" a Numenor, por isso a família real de Numenor é sua governante, assim Aragonr assume o trono no momento propicio.
Em sua juventude quando adotado por Elrond após a mote de sua família, Aragonr vê Arwen, neta de Luthien e tão bela quanto a própria (mais do que Gladriel também que seria a mais vela dos Noldor, não de todos os élfos), assim os dois se apaixonam e se comprometem, esta foi a terceira união entre élfos e homens da história.

Curiosidades:

Porque não existem filmes dos outros livros?

Tomando um exemplo que citei mais acima:
Saint Seiya. Como sabemos a animação é inferior em retratar detalhes da história e coisas assim, a ponto de Kurumada dizer:

"Considero o anime uma "boa propaganda" para minha obra" (Mangá).

Este é o pensamento da família Tolkien que detém os direitos da obra, eles repudiam os caminhos tomados pelos filmes em relação as obras, algo que infelizmente acontece com 99% das adaptações para o cinema.
Quanto ao Hobbit e o Senhor dos Anéis, seus direitos foram vendidos por Tolkien em uma época de necessidade, e desse contrato saíram animações que poucos conhecem dos livros.


Houve também a "ameaça" de um filme estrelado por ninguém menos que os Beatles, que cogitaram financiar a produção.


O Senhor dos Anéis vs Game of Thrones.


Abordar tal tema é como iniciar uma guerra entre os fãs das obras, porém fato é que Tolkien influenciou inúmeras obras (World of War Craft é "publicamente" inspirado em O Senhor dos Anéis), que talvez você nem tenha percebido, e Game of Thrones não é exceção, este é o motivo do nome do autor da série ser apresentado por ele mesmo como George R. R. Martin, ou seja uma referencia a J. R. R. Tolkien, ao qual o próprio admitiu ser grande fã.
As semelhanças sobretudo nos nomes usados em Game of Thrones são muitas, bem como alguns elemento da série, como os Muralhas de Gelo que impedem o avanço do Rei da Noite que claramente são inspiradas nas muralhas que impendem o retorno do Senhor do Escuro, vigiadas incansavelmente por Eärendil, ou a rainha Denerys, última herdeira de uma linhagem caída, e descendente de dragões, que pode ter sido inspirada em Aragonr, o último rei da linhagem de Numenor, descendentes de Élfos e Maiar.
Além de muitas inspirações nos nomes:
Valiria/Valiriano = Valinor/Valirin
Tirion (anão) = Tirion (cidade elfica)
Entre inumeras...

Mas não estou comparando as series nem nada assim, apenas tentando mostrar que Tolkien, influenciou muito além do que você conhece, e não são poucos os fãs de GoT que nunca leram nada de Tolkien, mas sua influência se estende até mesmo dentro da musica:

O Livro o Silmarillion inspirou o CD Nightfall in Midle-Earth da bada Blind Guardian.


Este magnifico álbum foi o responsável por apresentar os fãs da banda aos livros de Tolkien e vice versa, neste albúm todas as musicas são baseadas nos versos do livro:

"War of Wrath"
"Into the Storm"
"Lammoth"
"Nightfall"
"The Minstrel"
"The Curse of Fëanor"
"Captured"
"Blood Tears"
"Mirror Mirror"
"Face the Truth"
"Noldor (Dead Winter Reigns)"
"Battle of Sudden Flame"
"Time Stands Still (At the Iron Hill)"
"The Dark Elf"
"Thorn"
"The Eldar"
"Nom the Wise"
"When Sorrow Sang"
"Out on the Water"
"The Steadfast"
"A Dark Passage"
"Final Chapter (Thus Ends...)"



Os Livros que compõem o universo:

Como disse antes, a obra de Tolkien é muito mais que uma simples obra literária, existe muito material para estudo avançado, a exemplo dos vários idiomas que existem entre as obras que são muitas, e tentar lê-las em uma ordem cronológica é uma tarefa difícil, pois fora O Hobbit e o Senhor dos Anéis que tem uma ordem cronológica visível, os outros livros são muito entrelaçados, por exemplo o livro O Silmarillion composto pelos seguintes "livros menores": Ainunlidalë, Valaquenta, Quenta Silmarillion, Akallabeth e Dos Anéis de Poder e da Terceira Era.
Este livro narra desde a criação do mundo até parte dos eventos finais da terceira era, por sua vez um dos livros mais recentes: Beren e Luthien, conta uma história que em ordem cronológica estaria situada no Quenta Silmarillion. Existem ainda muitos rascunhos e obras por acabar deixadas por Tolkien, de modo que seu filho Crystopher vem editando e lançando algumas obras como o não tão recente A Última Canção de Bilbo, então podem haver futuros lançamentos.
Há ainda nada menos do que 13 (sim treze) livros contendo rascunhos inacabados de pares das obras.
Deixarei abaixo as capas das obras (Excluindo as 13 citadas) que compõem o universo e excluindo também os inúmeros livros escritos por Tolkien que não fazem parte do "mesmo universo".


Obs. Inclui apenas a capa do primeiro livro, mas a obra é composta por três livros como todos sabem.


Bom por enquanto é isso, espero ter dado um empurrão para que você inicie seus estudos da Mitopeia, palavra esta que foi cunhada pelo próprio autor para se referir a sua obra.

terça-feira, 10 de julho de 2018

Quem é o Cavaleiro de Ouro mais Poderoso? (Revisando)

Atenção!
Como o texto é bem grande, adicionei vários subtítulos ao longo do mesmo, todos devidamente grafados em vermelho, para lhe facilitar caso esteja interessado em ler apenas sobre determinado assunto. Você poderá também pressionar Ctrl + F, uma pequena caixa aparecerá do lado superior direito, copie os títulos e cole nessa caixa para buscar diretamente o assunto desejado.

  1. Critérios da análise.
  2. Obras de Saint Seiya.
  3. Cavaleiros de Ouro "Preliminares" (Shion e Dohko).
  4. Orphée de Lira.
  5. Aioloz de Sagitário.
  6. Saga e Shaka (Santuário).
  7. Kanon de Dragão Marinho.
  8. Ranking Hypermito.
  9. Saga e Shaka (Hades).
  10. Ranking Taizen (enciclopédia CDZ)
  11. Saga e Shaka (Next Dimension).
  12. Saga e Shaka (Sol of Gold).
  13. Saga e Shaka (Episode G).
  14. Saga Saintia Sho.
  15. Gêmeos e Virgem (Lost Canvas).
  16. Shina de Cobra.
  17. Saga e Shaka, possível combate.
  18. Shaka vs Goku.
  19. A Trolagem de Kurumada.
  20. Teoria do Universo Paralelo.

Segue abaixo o texto original, com as devidas correções:

Bom dia!
Boa tarde!
Boa noite!
Não sei quando você estará lendo o artigo.

Aqui quem fala (escreve), é o Vigia.
Hoje estou corrigindo mais uma vez o post “Quem é o Cavaleiro de Ouro Mais Poderoso?”, afim te dentar melhora-lo cada vez mais.

Critérios da análise.

Primeiro vamos falar um pouquinho sobre os critérios que usei para a analise e logo após comentarei um pouquinho sobre as obras existentes de CDZ (Saint Seiya).
Sinta-se a vontade para seguir direto para a análise se quiser.


Falemos então de quatro conceitos relacionados a qualquer anime:

1 - Anime e Mangá diferem!

O mangá sendo escrito e desenhado unicamente pelo autor da serie (na maioria dos casos) acaba na maioria das vezes ficando bem diferente de sua versão em anime, já que esta vem a receber “influências de terceiros”.

No próprio caso de Cavaleiros do Zodíaco, cada uma das equipes responsáveis por um numero X de episódios (motivo pelo qual os traços mudam de um episódio para outro as vezes) possuíam um diretor que recebeu "liberdade criativa" de alterar certas coisas dentro da animação, um exemplo disso é claramente o personagem Shun de Andrômeda:
O responsável por esta cena foi Shingo Araki, principal desenhista do anime que resolveu inserir esta cena yaoi neste ponto da história, bem como a caracterização não só de Shun, mas de todos os personagens, desde o inicio diferem daquilo que está dentro do mangá.
Ao longo dos anos varias e varias equipes diferentes podem trabalhar em cada faze do anime, e se cada uma delas tem sua liberdade criativa para alterar e criar episódios ou OVAS dentro da série, mais e mais ela vai se distanciando do mangá, e isso é bem evidente no caso de CDZ. A faze do Santuário por exemplo, foi animada em 1986, Poseidon terminou em 1988, em 1992 tivemos o filme de Abel. Em 1998 o filme “A Batalha Final”. Já a saga de Hades Santuário só veio a ser animada em 2002. O ultimo episódio da Saga dos Elísios veio a sair anos depois, por equipes diferentes.
Um bom exemplo das alterações impostas pelas equipes de produção é o caso do cavaleiro de cristal, que foi inserido no inicio do anime, e mais tarde em 2002 a equipe a cargo da saga de Hades ignorou completamente o personagem mostrando Hyoga junto a Cammus.
Tá,bém empresa que produz a animação, no caso de CDZ, a Toe Animation, pode fazer alterações no roteiro para que se adeque a certos parametros e alvos comerciais. Um exemplo disso foi a decisão de omitir o fato de que todos os cavaleiros de bronze são irmãos por parte de pai, filhos de Mitsumasa Kido, aliás eram em torno de cem crianças filhas de Kido.

2 - Fillers e OVAS, em certos casos podem ser levados em conta, já em outros não!
Fillers: São episódios produzidos especialmente para o anime e não existem na versão em mangá. Tais episódios podem ter participação do criador da serie ou em outros casos (na grande maioria) são feitos exclusivamente por uma das equipes de produção com objetivos puramente comerciais.
OVAS: Original Vide Animation, são semelhantes aos fillers embora nesse caso não estejam inseridos dentro do seriado e sua duração pode ser maior que a de um episódio convencional.
Falando em fillers ou OVAS, podemos ter basicamente dois tipos deles:

1° Caso - Aqueles que não acrescentam nada na serie, e ainda podem ter informações erradas que contradizem outros pontos do anime, sendo feitos apenas para "encher linguiça e arrecadar uns trocados a mais com o anime".
Exemplo disso: Dentro do mangá Seiya e companhia desde o inicio possuiam um nível próximo de um cavaleiro de prata, já que todos eles receberam treino de algum cavaleiro de ouro.
Seiya treinado por Marin, entretanto na obra original ela e Shina tem exatamente o mesmo poder. Por ter sido treinado dentro do santuário próximo aos cavaleiros de ouro seria plausível supor que algum deles tenha lhe ensinado algo em algum momento, como por exemplo Aiolia que sempre estava por perto, ou Saga de Gêmeos que afirma antes de sua morte na saga de Hades ter sido o mestre de Seiya, estaria ele falando unicamente da posição de mestre do santuário ou teria ajudado o cavaleiro de bronze em seu treino?
Shiryu foi treinado pelo cavaleiro de ouro de libra.
Shun por Daidarus dentro no mangá e Albion no anime (Albion juntamente com os personagens Leda e Spika, foram inseridos para tentar criar uma “classe de cavaleiros” que usam correntes, no mangá o único a usa-las é Shun, seu mestre Daidaros não possuí nenhuma corrente). Seja Daidarus ou Albion, é dito que mesmo sendo um cavaleiro de prata era tão forte como um cavaleiro de ouro.
Hyoga é treinado por Cammus de Aquário.
Ikki é um caso especial, pois é o primeiro a vestir a armadura de fênix desde sua criação em épocas mitológicas, entretanto Ikki foi “visitado” por Shaka de Virgem antes de partir para a guerra galáctica.
Dentro do anime, faz parecer que Seiya e os outros são mais fracos do que no mangá, e eles enfrentam muitos cavaleiros de bronze, e só depois os cavaleiros de prata são enviados.
Essa é a razão dos combates entre Seiya e os outros serem equilibrados, como na luta de Seiya e Shiryu, assim como entre Jabu e os outros cinco também eram balanceados, mas quando os dois grupos se enfrentavam ficava visível a diferença de níveis entre eles.
Sendo assim Hyoga e Ikki foram mandados para acabar com a guerra galáctica, vendo que eles se uniram aos rebeldes, o mestre envia os cavaleiros de prata para mata-los, então todos aqueles cavaleiros estranhos que aparecem após a guerra galáctica e antes de Misty de Lagarto são todos invenções da Toei e não de Kurumada (criador de CDZ).

2° Caso - Aqueles que podem conter informações que ficaram de fora dentro da versão animada, entretanto como estas possuem alguma relevância na história acabam tendo de ser inseridas mais tarde em um ponto diferente talvez por personagens diferentes também. Tais informações podem vir diretamente do mangá, ou são colocadas para esclarecer duvidas dos fãs.
Exemplo disso: Quando Seiya e os outros estão no castelo de Wyvern, Radamanthys diz que existe uma barreira que os deixa apenas com 10% de seu poder (a tropa de Radamanthys também estava la, Seiya luta contra Valentine de Harpia e não contra o próprio Juiz do inferno), desde o inicio essa informação está clara e sabemos porque Mú, Aiolia e Milo são derrotados facilmente, enquanto Radamanthys fica intrigado pelo fato de Seiya conseguir lutar plenamente (devido ao sangue de Athena). Como nada foi dito nesse ponto, a próxima equipe inseriu esta informação na luta entre Kanon e Radamanthys.

3 -Spin Offs
Igualmente aos fillers podem ou não ter informações erradas dependendo de como foram feitos.
Spin Offs, são sagas dentro de um anime por exemplo, que não tem obrigação de "fazer parte da história", como por exemplo em Dragon Ball o filme que mostra a fusão de Goku e Vegeta no mundo dos mortos. Em nenhum momento eles se encontraram no mundo dos mortos no anime ou no mangá, porém neste filme isto ocorre. Ou seja ele não se encaixa em lugar nenhum da serie, basicamente é um filme feito unicamente para nos mostrar como seria a fusão Metamoru de Goku e Vegeta.
Spin Offs podem igualmente aos Fillers ser de 2 tipos princimais:

1° Caso - Aqueles que não fazem parte da historia, mas respeitam "todas as regras" dela.
Por exemplo Saint Seiya Losc Canvas e Lost Canvas Gaiden, que respeitam todas as regras do anime clássico como cosmo e armaduras, mas mesmo assim não fazem parte da linha principal.

2º Caso - Aqueles que igualmente não fazem parte da história e também não seguem as "regras" do universo do anime em questão, exemplo disso é Saint Seiya Ômega, que esta situado cronologicamente após o anime, porém trouxe varias mudanças tanto na questão da história como nas regras que regem o universo sendo também um universo a parte do principal.

4 - As "verdades" do anime podem mudar com o passar do tempo!

Todos os outros tópicos acimas produzem este quarto tópico. Que nada mais é do que a mudança de “certas regras” ou acontecimentos dentro de um anime, por influência das equipes de produção e o passar do tempo que fazem com que certos detalhes sejam diferentes de uma saga para outra ou do mangá para o anime.

Por esta razão para minha análise a seguir recorrerei para as decisões finais unicamente os mangás clássico e Next Dimension, pois são produzidos unicamente por Massami Kurumada e não por terceiros, dito isso, regimente comentarei também sobre o anime e outras obras, entretanto mais como “apoio” ou comparação, pois existem muitos argumentos dentro de cada uma para apoiar pontos opostos, então seria mais recomendável observar estes pontos separadamente.

Quando Kurumada foi questionado sobre a animação, foi isso o que ele disse:
"Considero o anime uma boa propaganda para meu trabalho!"


Possivelmente o próprio criador não concorda com a visão que é passada dentro da animação, por isso disse tal coisa.

Obras de Saint Seiya.

Saint Seiya Clássico: Escrito e desenhado por Massami Kurumada. Existe muita diferença entre o anime e o mangá, e assim a toei lançou também um pequeno mangá que conta melhor os acontecimentos do inicio da revolta de Saga seguindo o anime.

Atualmente foi também lançado o manga Episódio 0 que conta o mesmo período da história mas do ponto de vista do mangá original.

Saint Seiya Next Dimension: COM O “EMOCIONANTE” TRAÇO DE MASSAMI KURUMADA! 0.o... Isso era o que dizia o anuncio da volta da publicação de CDZ por parte do próprio criador, sua história tem inicio imediatamente após a saga de Hades e invalida o filme Prólogo do Céu, seguindo para uma viagem no tempo para a época em que Dohko e Shion ainda eram jovens.

Saint Seiya Lost Canvas: Trata-se de um Spin Off ou universo alternativo se preferir, contando a história da guerra contra Hades na juventude de Dohko de Libra. A mangaká Shiori (dá pra notar os traços mais delicados nesse mangá) foi convidada pelo próprio Kurumada para escreve-lo. Possui uma primeira temporada em anime, mas o meio veio a ser cancelado pois o mangá em si já havia vendido o suficiente.

Saint Seiya Lost Canvas Gaiden: Nada mais é do que um mangá contendo outras histórias e detalhes passadas antes, depois e durante Lost Canvas.

Saint Seiya Episode G: Na verdade este foi o primeiro Spin off de CDZ, escrito e desenhado por Megamu Okada. Este trabalho tem traços simplesmente incríveis, tanto que influenciaram varias cenas de Lost Canvas, contudo por se tratar de um Spin Off existe alguns “desencontros” com os outros mangás.

Saint Seiya Episode G Assassin: Nada mais é do que a continuação de Episode G.


Saintia Sho: Conta a historia de uma “Saintia”, ou seja a Amazona de Cavalo Menor que não é uma amazona 0.o... Por isso não precisa usar mascara com a permissão de Athena. A história se passa durante aqueles 4 meses em que Seiya e os outros estavam em coma após a luta contra Saga de Gêmeos (fato que só existe no mangá, no anime entra o filler de Asgard que por sua vez é inspirada no capítulo dos Guerreiros Azuis do mangá clássico que conta uma história solo de Hyoga na terra de Asgard, la estão os guerreiros azuis que são na verdade alguns cavaleiros de prata que haviam sido mandados pra lá pra vigiar Poseidon em uma guerra santa anterior, mas os mesmos deixaram de obedecer Athena).

Saint Seiya Omega: Outro Spin Off mas dessa vez voltado para o publico infantil, houve muita polemica a por conta do traço e das mudanças que sofreu, na época o pessoal dizia que fã que é fã mesmo iria assistir e gostar porque é fã! Eu discordo, realmente fã que é fã vai assistir qualquer coisa que venha a ser lançada, mais vai perceber que não é mesma coisa, como no caso dos fillers de Naruto em que todo mundo (ou quase todo mundo) percebe que “o anime esfria”. Detalhe: Saint Seiya Ômega possui um mangá também.

Saint Seiya Soul of Gold: É mais uma animação Spin Off que conta uma continuação da saga de Asgard... “Um filler de um filler” 0.o... Contudo tem suas qualidades. Possui um game de mesmo nome que traz alguns encontros dos cavaleiros de ouro ressuscitados por Odin com outros personagens e temos algumas explicações e diálogos que não estão presentes em outro lugar.

Saint Seiya Legend of Sanctuary: É um filme de computação gráfica feito para comemorar os 20 anos de CDZ e reconta a história da saga do santuário. Porém o filme é na verdade Chines e não Japonês. É difícil classifica-lo (na minha opinião), pois tem alguns pontos simplesmente incriveis e outros bem desanimadores.

Saint Seiya Online: Este é um MMO de CDZ, coloquei-o na lista pois trás muitas informações legais de cavaleiros do passado, recomendo bastante. Contudo não é um game “Canônico”, até porque também é Chinês. Obs.: Existe a verão em português do game.

Saint Seiya Gigantomaquia: Uma serie composta por 2 livros e com total aprovação de Kurumada.
Cavaleiros de Ouro "Preliminares" (Shion e Dohko).

Primeiramente temos de ter em mente que quando dizemos que um cavaleiro é mais forte que o outro não significa que o mais fraco não possa vencer um mais forte dependendo das circunstancias, tudo vai depender de "como" eles lutarem, pois uma luta não se trata unicamente de força, cada cavaleiro de ouro tem uma característica própria cuja a qual é superior a todos os outros em sua área, ou estou errado? Aldebaram por exemplo tem a maior força física dos cavaleiros de ouro, assim como retratado em Epsode G, em que ele realiza atos de força fisica que nem mesmo mais de um cavaleiro de ouro conseguiram juntos.

Veja por exemplo este trecho de uma entrevista com Kurumada:

Quem é o mais poderoso então?
Você também? (risos) Essa é uma pergunta difícil. Aos 12 eu desenhei de maneira que cada personagem se destacasse. Eu não poderia decidir qual é o mais poderoso. (risos)

Então não existe um mais poderoso em absoluto, mesmo aquele que detenha as maiores habilidades e tal fama pode ser derrotado por outro supostamente mais fraco.
Entretanto para esta análise começarei com os dois mais velhos levando em conta sua idade e experiencia:
Dois sobreviventes da ultima guerra santa há 243, ambos tem 261 anos, e são de longe os mais experientes em campo de batalha, tanto que Shion se tornou o mestre do santuário, e após sua morte Dohko assume o cargo, mesmo não deixando os 5 picos antigos. (no mangá não existe o Arles, irmão de Shion, Saga o próprio Shion, então todos acham que Saga seria o mestre Shion).
Shion é um cavaleiro extremamente poderoso, até Saga se ajoelhava diante dele, foi o mestre de Mú (Mú por exemplo é o mais poderoso em telecinese, ele supera todos outros cavaleiros nesse campo, é interessante o duelo travado entre ele e o espectro Papion com uso de telecinese em ambos os lados, diferente do anime). Sabendo-se que Mú é o mais poderoso em telecinese, temos uma base do poder de Shion ao ver que ele paralisou Mú muito facilmente, sem esforço algum, supõe-se que Mú esta no nível de todos os outros cavaleiros e mesmo assim Shion se mostra ser muito superior, assim poderíamos por comparação dizer que Dohko também é superior, já que o combate entre eles se dá em igualdade.
O combate entre Saga, Shura, Camus e Mú, nem mesmo foi a sério, tanto que Saga diz a Camus para não conter o pó de diamante pois assim ele não venceria Mú (no anime é um pouco diferente, Cammus intervem e toma o lugar de Shura e logo após Saga diz que se eles conterem seus golpes não derrotarão Mú), mas mesmo pegando leve com Mú nenhum dos 3 o dominou tão facilmente como Shion.
Mú é extremamente poderoso, e está no mesmo nível de Shaka (mais a frente falo sobre isso), pois lembre-se que o próprio Shaka pede ajuda a Mú para sair da dimensão estranha em que ele estava, até mesmo Shion se surpreende com o poder de Mú quando este está nervoso.
Detalhe: Shion, Mú e Kiki não são humanos. Os são Lemurianos (seria algo parecido com um elfo?), por isso Shion viveu tanto sem receber nenhum poder de Athena, o que não seria possível para Dohko pois ele é um humano normal, sendo assim ele recebeu o Mesophetamenos para que ele pudesse cumprir a missão de vigiar o selo até Hades ressuscitar novamente. Os 3 fazem parte da raça de alquimistas do continente Mú (Lemúria) que criaram as armaduras (agora fez sentido porque Mú concertava armaduras não é?).
E pensando neles como “não humanos”, será que eles eram mais poderosos que humanos comuns?
Se for o caso isso só aumenta o mérito de Dohko em se comparar a Shion.
Contudo creio que a diferença estaria mais nas habilidades mesmo e não em “poder de combate”.

Dohko de Libra de cara pode ser apontado como o mais forte de todos!
Por quê?
Por que ele tem 12 armas ao seu dispor!
Se ele as usasse em combate, poderia talvez enfrentar mais de um cavaleiro de ouro ao mesmo tempo, pois nem é preciso que eu cite o poder das armas de libra não é?
Infelizmente é sim, já comentaram aqui sobre as armas da armadura de Libra não serem tão poderosas...
Enfim, os *Berserker (cavaleiros de Ares, Ares o deus da guerra e não o mestre do santuário chamado Arles e traduzido erroneamente como Ares. Detalhe: A dublagem antiga da Mancheta, dizia Arles) derrotavam os Cavaleiros de Ouro muito facilmente, pois eles eram muito brutais e acostumados a guerrear.

*As informações sobre os Berserkers estão no Hypermito.

Em vista de tão desigual poder o Cavaleiro de Libra da época autorizou o uso das armas da armadura de Libra, e os Berserkers foram derrotados em um segundo!
Se alguém superior a um cavaleiro de ouro morre tão fácil assim por causa das armas de Libra, e um cavaleiro de ouro será que também não seria derrotado facilmente?
Dohko se comparado a Shion parece ser mais forte em combate físico, lembre-se do jogo Saint Seiya Chapter Hades do Ps2 (ou mesmo o Chapter Sanctuary embora ele seja muito “travado”)?
Nesses games Dohko tem mais golpes físicos que muitos lá, outro ponto interessante é notar a roupa dele e de Shiryu e o lugar que eles treinam claro, tudo claramente fazendo referencia ao Kung Fu. Agora fez mais sentido a forma deles lutarem no jogo não é verdade?
Os socos dos 2 (Dohko e Shiryu), os chutes e voadoras, bem como as técnicas deles, o Shiryu defendendo a Excalibur do Shura (Anime e Mangá), Dohko ensinando filosofias de artes marciais orientais. Todos este pontos ressaltam que o forte de ambos é o combate corpo a corpo.
Além disso lembram-se do mestre Arles falando de Dohko?

Ele já tem algumas centenas de anos mas é o mais terrível de todos os cavaleiros!
Provavelmente os dois tenham a mesma força, talvez Shion supere o Dohko em cosmo, e Dohko supere Shion em combate físico.
Existe aquela cena em que Shion está de pé enquanto Dohko está de joelhos (saga de Hades santuário), aparentando estar em desvantagem no combate, porém logo depois os dois correm juntos para a estatua de Athena como se estivesse nas mesmas condições.
Pode ser que Dohko tenha caído de joelhos ao perceber a verdade da situação e não por algo que tenha acontecido no combate entre eles, mas isto é apenas especulação.
Os 2 cavaleiros subiram juntos, mais só Shion chegou la e falou com os cavaleiros de bronze, porém amis a frene Dohko está no local junto ao velho amigo.
Isso significa que a técnica mais secreta de de Dohko é a “Invisibilidade do Dragão” e ninguém sabia... Mais tarde ele aparece no castelo de Hades para ensinar aos cavaleiros de bronze a despertar o oitavo sentido meio que do nada, Radhamantis até diz ter sentido o cosmo de Dohko e de Kanon na mesma ocasião. O que quer dizer que Dohko ensinou ao Kanon a “Invisibilidade do Dragão”...
Uma coisa bem curiosa no final da saga do inferno quando Mú devolve o rosário a Shaka é que ele diz que quase todas as 108 contas já estavam escuras, mas se você notar Seiya, Shiryu e os outros e até Kanon, não derrotaram essa quantidade toda de espectros, isso quer dizer que quem mais derrotou espectros durante essa saga foi o Dohko, pois fazendo as contas de todos os espectros que vimos sendo derrotados temos um total de 86 espectros apenas, e se quase todo o rosário estava negro no muro das lamentações, quer dizer que todos os outros foram mortos sem aparecer no anime, e só Dohko não apareceu lutando, assim provavelmente foi ele a dar cabo de todos os outros espectros sozinho.
Em minha opinião foi um grande desperdício de um personagem que poderia ter um papel bem maior, quem sabe pelo menos uma “ceninha” dele de pé sobre o corpo de vários espectros derrotados, apenas esse detalhe daria uma outra cara ao personagem não acha?

Mas enfim, indiscutivelmente Dohko e Shion são os 2 mais poderosos cavaleiros de ouro vivos, e Dohko tendo as 12 armas é o mais "perigoso" deles sem duvida, claro que ele não usaria suas armas em um combate que preza pela honra.
Mas quem leu o gibi “Deadpool Assassina o Universo Marvel”?

Dohko com suas armas de Libra seria capaz de algo assim no santuário?
Então todos concordamos:


1º Lugar: Shion e Dohko.

Próximo cavaleiro...

Orphée de Lira
Não, eu não escrevi errado, Orphée vem do francês, e seu nome é uma homenagem a Horfeu (Horpheus), e este sim seria o cavaleiro "conhecido como lendário trovador", e seria este o "lendário Horfeu" que foi ressuscitado por Éris. Para facilitar pense que o Horfeu da saga de Hades (Orphée) imita o Horfeu do filme de Éris, pois este já estava morto a séculos.
Embora na realidade Kurumada tenha criado Orphée baseado em Horfeu do filme da deusa Éris, e esse nome diferente foi justamente para apontar que eles não são o mesmo personagem. 
Bom, mas porque estou falando de Horfeu?
O Taizen (enciclopédia CDZ) diz algo mais ou menos assim: "Orphée poderia ser mais poderoso que os 12 cavaleiros de ouro!"

Se pensarmos no assunto, a aparição de Horfeu no anime diz que ele desapareceu a 13 anos, é dito que ele tocava para os cavaleiros de ouro nessa época, é até mostrada uma cena assim, porém ai existem alguns erros, na cena os 12 cavaleiros aparecem já em idade adulta, porém veja na cena abaixo do mangá os cavaleiros de ouro a 13 anos atras:
Eram todos crianças nesse tempo.
Outro detalhe é que nesta cena eles aparecem já como cavaleiros de ouro, porém segundo o que os produtores disseram no lançamento do mangá Episódio G, Aiolia acabava de ganhar sua armadura e estava indo para sua primeira missão, essa história se passa 6 anos antes de Seiya e companhia.
Pois bem, talvez esta cena do mangá tenha sido feita por Kurumada sem pensar na "coerência" unicamente para ilustrar que os cavaleiros de ouro eram crianças, não sendo uma verdade ao pé da letra, mas ainda assim é uma contradição...
Talvez Horfeu (Orphée) tenha sido o primeiro a despertar o oitavo sentido e não Shaka, pois Shaka ainda era criança, e é provável que ainda não tivesse alcançado todo o seu potencial e despertado suas habilidades, pois na saga de Hades antes de sua morte vemos que Buda era seu professor quando criança, então Shaka em algum momento foi ensinado sobre o oitavo sentido, provavelmente depois de se tornar um cavaleiro de ouro, mas isto é mera especulação minha...
Horfeu chegou vivo ao inferno, isso só é possível com a proteção de um deus (como no caso dos espectros) ou despertando o oitavo sentido, além disso Horfeu reconheceu em Seiya o oitavo sentido, o que mostra que ele conhecia sua exitencia. Além do conhecimento é preciso possuir poder suficiente para despertar o oitavo sentido, e isso Horfeu (Orphée) tem, aliado ao fato de possuir uma lira, ou seja uma arma que aumenta seu "poder de combate", provavelmente Horfeu (Orphée) seja mesmo mais forte que pelo menos alguns dos cavaleiros de ouro.

2º Lugar: Orphée de Lira (este está aqui mais como curiosidade, sinta-se a vontade para desconsidera-lo).


Próximo cavaleiro, "o famoso"...


Aioloz de Sagitário.

Esqueça aquela luta entre Shura e Aioloz que acontece no anime (em que Shura “treme nas bases” diga-se de passagem), mas na realidade não é mostrada nenhuma cena disso no mangá, é apenas citado, então não há como leva-la em conta se minha análise tem por base o mangá, na realidade ela serviria mais para “ilustrar” o combate.

O mangá Episódio G, traz mais informações sobre o que aconteceu a 13 anos, e diz que Shura não foi o único a “perseguir” Aioloz, o próprio Shaka esteve contra Aioloz segundo o Episódio G.
Mas voltando ao poder do cavaleiro.
Em Episódio G é dito que Aioloz possui uma técnica (Infinity Break) que é capaz de ferir deuses, de fato ele venceu Rá (deus egípcio) e seu exercito do sol sozinho, além de diversas citações em Episode G assassin como sendo o mais poderoso dos cavaleiros de ouro.
No mangá clássico é apontado que ele e Saga teriam a mesma força, e que Saga seria o próximo mestre do santuário, Shion apenas apontou Aioloz por sentir a maldade em Saga, quando o próprio Saga contesta Shion ele diz não se julgar inferior a Aioloz em nenhum aspecto, pelo contrario ele se julga “bem superior”!
Na animação Sou of Gold, vemos uma “seninha de destaque” aos 2 cavaleiros quando ambos lutam juntos e outros cavaleiros de ouro ficam “maravilhados”... ...partindo para o game de Soul of Gold, temos Saga admitindo que Aioloz sempre foi o mais forte entre os 2.
Aioloz sempre foi um personagem que teve mais “mídia” do que feitos não verdade? Mas mesmo assim sabe porque ele é o mais forte dos 12?
Simples!
Porque Massami Kurumada é do signo de Sagitário!!!
Por isso ele é sempre citado como o mais forte aqui e ali, por isso sua armadura apoia Seiya, que é o protagonista da serie!
Mais ai você me pergunta: e o Dohko e Shion?
Bem, mais a frente falarei mais detalhadamente sobre o ranking de poder do Hypermito e você verá que Aioloz empata com Dohko, Shion não é citado pois o Hypermito foi feito antes da saga de Hades, talvez Kurumada ainda não tivesse pensado em por Shion para lutar, por isso seu poder não é citado.

Especulações a parte, a armadura de Sagitário possui uma arma, ou seja, a flecha de Sagitário, que é uma arma e potencializa o poder de combate de seu usuário.
Tal como Seiya fez contra Poseidon e Abel, ao unir os cosmos de outros cavaleiros na flecha é possível ferir até mesmo deuses, mas  creio que a derrota de Able possa ser atribuída ao fato dele não possuir uma armadura...
...Aioloz usou o “golpe da luz do sol” com os outros cavaleiros de ouro e fez um buraco no muro das lamentações, e tamanho foi o poder do golpe, que matou os cavaleiro de ouro. Seiya usou o mesmo golpe da luz do sol contra lúcifer no filme A Batalha Final. Vendo estes fatos, se em um combate entre cavaleiros de ouro Aioloz sacasse sua flecha, poderia significar a morte de seu adversário em um único golpe.

*nota: Antes que diga que um cavaleiro de ouro se move a velocidade da luz e poderia se esquivar, até pode ser, mas seria improvável pois supostamente a flecha seria mais rápida ainda, ou seja estaria acima da velocidade da luz.
*nota 2: Antes que diga: Como assim acima da velocidade da luz? Lembre-se que Saga em episódio G executou ataques acima da velocidade da luz.

3° Lugar: Aioloz de Sagitário (ou até mesmo primeiro lugar se você considerar o Hypermito).


Antes de prosseguirmos...


Um Aviso!

Esse negocio de Saguete e Shakete eu quero que se fod...!!!
Não transforme uma coisa que é uma “MERA DISTRAÇÃO” em uma RAZÃO DE VIVER ok!?

Alias pense comigo:

Quem apoia o Saga é Saguete certo?
Quem apoia o Shaka é Shakete certo?
Quem apoia o Milo é Milete certo?

E quem apoia o Mime é... ...?

Inevitavelmente a partir daqui a discussão será erroneamente entre Saga e Shaka, em minha analise me focarei mais no Saga do que no Shaka, pois analises focadas no Shaka existem aos montes pela net, então não é necessário mais uma, além do mais quero mostrar o "outro lado da moeda", pois sempre que ressaltam esse e aquele motivo de Shaka ser o mais forte, esquecem de mencionar muitos fatos a respeito de Saga que poderiam mudar as coisas. E este é o único motivo de um "foco maior" em Saga nesta analise, aliás nem Saga e nem Shaka são meu cavaleiro favorito, este seria o Aiolia, até porque eu gosto muito do papel dele em Episodio G.
Repetindo (pois houve comentários contrários aqui): NÃO ESTOU REBAIXANDO O SHAKA DE FORMA ALGUMA, apenas estou ME FOCANDO MAIS NO SAGA porquê analises com base em SHAKA DE VIRGEM EXISTEM AOS MONTES NA INTERNET e não quer ser só mais um!!!

Como eu disse antes também, por conta das inúmeras alterações que existem de obra para obra, de mídia para mídia, irei analisar cada saga separadamente, pois há "atritos" entre elas.

Saga e Shaka (Santuário)

Ok, como diria "Shura o Estripador"... ...vamos por partes, vamos inicialmente falar apenas da saga do santuário começando com as lutas entre Shaka vs Ikki e Saga vs Ikki:

Falando “superficialmente”:
Simplesmente Ikki lutou contra Shaka e “venceu”(de certa forma), e Ikki lutou contra Saga e foi morto, sim foi morto!
Vi um post dizendo na net que Ikki apanhou mais do Shaka do que do Saga, então Shaka devia ser mais forte, mas creio que o motivo de Ikki ter apanha mais de Shaka é que Ikki até que "aguentava" os ataques de Shaka e ainda se levantava, o que não acontece com Saga, Ikki simplesmente não aguentou e morreu, porque Saga é mais forte que Shaka, bem pelo menos na hora de "sair no soco" literalmente.

Mú, disse que seria a mais sangrenta e terrível batalha de todas as 12 casas se eles enfrentassem o cavaleiro de Gêmeos.
E não diga que Ikki estava mais cansado na luta contra Saga, pois é mostrado que não é esse o caso, isto apenas se aplicaria a Seiy.
Ele havia sido ressuscitado, e eu não acho que após reviver ele tenha voltado "cansado da batalha", além do mais ele tinha a experiencia de ter lutado com Shaka, e isso conta, somado ao fato de que quando a armadura de Fênix renasce ele se torna mais forte, logo o protege melhor, além do aumento do poder do próprio Ikki, ele mesmo disse isso, lembra?
  • O Fênix que acaba de renascer é portador de um novo poder!
E isso fica extremamente claro no mangá porque a armadura de Fênix evolui para outra forma após Shaka o ressuscitar, (fato este que é mostrado apenas no mangá, no anime Ikki apenas diz que a sente mais bonita e mais forte).

Isso mostra como Ikki ficou mais forte após a luta contra Shaka.
Compare a armadura que Ikki usa nas imagens acima, durante a luta com Shaka com as da imagem abaixo, durante a luta contra Saga, é clara a diferença entre elas, mostrando a evolução do cavaleiro de Fênix.
Nessa luta fica claro que Saga e Shaka, lutam de maneiras diferentes, um cara comentou a respeito que Shaka superou Ikki no campo espiritual enquanto Saga empatou com Ikki (o próprio Saga admite que ele e Ikki são iguais no campo esprital, após uma disputa entre Golpe Fantasma e satã imperial).

Ok, está correto, lembra-se da entrevista do Kurumada? Em que ele disse: Os 12 são diferentes!

Porém também é preciso lembra que Ikki estava mais forte durante a luta com Saga!
Pois no momento em que Ikki usou seu golpe fantasma em Shaka, ele ainda não havia despertado seu sétimo sentido, por isso a ilusão não afetou o cavaleiro de ouro, mas após perder seus 5 sentidos, Ikki elevou seu cosmo ao sétimo sentido, então esse é o motivo do Golpe Fantasma de Fênix ter afetado (mesmo que pouco) Saga, pois ele já tinha o sétimo sentido naquela luta, e contra Shaka não!
Então durante toda a luta contra Shaka, Ikki lutou "como um cavaleiro de bronze", se possuir o sétimo sentido, despertando-o ao final do combate e se sacrificando para derrotar Shaka, mas na luntra contra Saga (tanto no mangá como no anime, embora em circunstancias diferentes), Ikki tinha já o sétimo sentido desperto, se "pesarmos isso na balança", as coisas ficam mais evidentes para o lado de Saga, pelos levando em conta apenas a saga do santuário...
Se Shaka e Aiolia são equivalentes (segundo a enciclopédia CDZ), e o satã imperial funcionou perfeitamente em Aiolia, será que o mesmo funcionaria em Shaka?

Após isso Saga volta a espancar Ikki com as próprias mãos...

Como eu já disse antes (e você vai ficar cansando de ler isto), a luta no anime é diferente da do mangá, dentro do anime houve uma preocupação maior em mostrar que Saga era “bom de porrada” por assim dizer, ele literalmente encheu Ikki de “bulacha” e o fez “vomitar luz”, enquanto que a luta com Shaka foi mais “questão de poderes”, pois mesmo parando o soco de Ikki com uma “parede invisível” Shaka não chegou a “sair no soco” como fez Saga.

Dentro do anime vemos Saga usar um golpe que se assemelha ao relâmpago de plasma de Aiolia, e o vemos também retirando os sentidos de Ikki e de Seiya.
Esse golpe de retirar os sentidos que Saga usa, parece ter menor eficiência que a técnica de Shaka, porém se olharmos por outro lado há 2 questões interessantes aqui:
  • Saga usa a técnica suprema de Shaka sem nem mesmo ser uma técnica especial sua, mesmo sendo com menor eficiência, ele usa com menor esforço também, pois não exige uma grande preparação antes de usar o golpe, tal como Shaka tem de fazer ao manter seus olhos fechados talvez por vários dias para conseguir usar seu golpe.
  • Kurumada possivelmente quis colocar essa técnica de “arrancar os sentidos” como sinônimo de grandeza, ou seja quis dizer que todo cavaleiro capaz de arrancar os sentidos dessa forma é um cavaleiro extremamente poderoso.

Explosão Galáctica, e a morte de Ikki!
Talvez a técnica mais "destrutiva que qualquer cavaleiro já executou, fora a exclamação de Athena, pois em episódio G a explosão galáctica de Saga literalmente destrói uma galaxia durante a luta com Shura...

O poder da Explosão Galáctica não é explorado em seu máximo na serie animada, só no mangá podemos ver sua força real, na única vez que ele usa contra Ikki com todo poder no final da faze do santuário. Sua posição para usar o golpe é diferente de tudo o que apareceu em anime, seja em Hades ou em Abel (que trouxe o golpe para suprir sua falta na saga do santuário, alias repare nas semelhanças dos filmes com a saga de hades, como que para ficar em seu lugar, já que este não tinha intenção de ser feito na época em que os filmes saíram) e tamanho é o seu poder que Ikki e sua armadura foram desintegrados.

Um detalhe é que no anime Shaka da seu sangue para ressuscitar a armadura de fênix, porém no mangá a armadura e Ikki haviam sido desintegrados, então Shaka afirma que sabe que Ikki retornará através de sua armadura, mas por querer ajudar em alguma coisa ele dá seu sangue para a armadura do irmão dele, ou seja Andrômeda.
Saga usa seu golpe 2 vezes contra Ikki, porém na primeira vez ele contém seu poder e não chega a vencer a luta.

Vendo que Ikki não sairia do caminho e ele devia deter o Seiya, antes que ele chegasse ao escudo de Athena, este é o
ÚNICO momento de toda a serie seja em anime ou mangá que Saga usa sua técnica COM PODER TOTAL e desintegra o Ikki juntamente com sua armadura, isto é, o mais forte dos cavaleiros de bronze, com a armadura mais forte que foi capaz de "derrotar" Shaka, foi totalmente desintegrado por Saga.
Então tamanha é a força destrutiva de sua técnica.
Note a Posição em que Saga e até Kannon usam a Explosão Galáctica no mangá, tal posição não foi apresentada no anime nem por Saga e nem por Kannon.
Neste momento Ikki acaba de ser morto por Saga (a surpresa dele no final da pagina é por ver Seiya de pé novamente, pois Ikki recebeu todo o impacto do golpe salvando o Seiya).
A imagem acima é da versão "em cores" do mangá.
*O Game Soul of Gold trouxe esta posição para o especial de Saga, coisa que nos games anteriores também não existia.

Ikki é considerado o mais poderoso dos cavaleiros de Bronze, tanto que desde a época da mitologia ele foi o primeiro a trajar a armadura de Fenix, armadura esta que era tão poderosa que os alquimistas negros do continente Lemúria, tentaram copia-la varias e varias vezes, por isso existia tantos cavaleiros negros na ilha da rainha da morte que era na verdade um pedaço remanescente do continente Lemúria.

*nota: Este ponto é interessante pois o espectro Kagaho de Benu, jura acompanhar Alone na próxima vida, e no momento de sua morte surge uma aura semelhante a fênix no local.
Respondendo mais comentários:
Ikki venceu Shaka com ajuda de Athena!

Mais é obvio! Dã! Kkk...

Segundo o Hypermito:
Athena viu o mal do santuário e atacou-o com cinco cavaleiros de bronze,  (no mangá desde criança Saori Kido sabe que é Athena), então podemos pensar que ela orquestrou com seu poder todos os detalhes, destruindo os cavaleiros corrompidos.
Mascara da Morte, Afrodite e Shura, todos sabiam da identidade de Saga, e aos outros cavaleiros de ouro que estavam sendo manipulados, foram perdoados...
...e Cammus foi "uma baixa aceitável"...

Mas se Ikki venceu Shaka com a ajuda de Athena e de Nick a deusa da vitória, significa quem mesmo sendo apoiado por uma deusa Saga pode vence-lo.
*Na enciclopédia CDZ, é dito que Athena sabia da corrupção do santuário e o atacou com cinco cavaleiros de bronze
Os quatro após a luta das doze casas em coma, no mangá nenhum chegou a morrer como é dito no anime, quando Ikki vai a sala do mestre ele passa pelas casas seguintes e os vê caídos e fala com eles, inclusive ele vê Shiryu caindo vestindo a armadura de Capricórnio, e como não existe Asgard no mangá eles passam quatro meses em coma até que aparece Poseidon (detalhe Ikki foi morto por Saga, por isso não está na cena).
Aqui sim vemos um exemplo de uma informação que foi deixada de lado no anime e posteriormente incluída dentro de um Filler, pois na saga de Asgard, Shiryu se lembra de quando Shura lhe passou a armadura de Capricórnio.
Encerrando...
Há quem diga que Shaka não foi derrotado, porém Shaka disse:
  • Que valor existe em ALCANÇAR UMA VITÓRIA se você desperdiça a própria vida?
Realmente pode até ser que Shaka não tenha "perdido a guerra", mas "perdeu a batalha" nessa ocasião.

Comparações: Aioloz, Aiolia, Saga e Shaka.

Aiolia lutou um pouco com Shaka, mas na verdade essa luta não ficou decidida, embora os dois tenham ficado empatados, Shaka não abriu os olhos, mas Aiolia também não usou suas melhores técnicas, em Episodio G, Saga diz que os três(Shaka, Saga e Aiolia) são os únicos que se encontram no "nível de supernova".
Na enciclopédia CDZ é dito que Aiolia e Shaka são cavaleiros equivalentes, ou seja tem a mesma força.

Levando isso em conta, se lembramos que Saga ferido, se defendeu facilmente do Relâmpago de Plasma de Aiolia na saga de Hades, é facil pensar que Saga é mais forte que Shaka.

Falemos um pouco sobre o final da batalha das 12 casas...

Saga disse:
  • Eu não tenho medo de Athena!
  • Escutem bem cavaleiros de ouro se voltarem a me desafiar terão o mesmo destino!!!
  • E vou lhes mostrar agora mesmo com o meu poder, que eu estou certo e que Athena está errada!
Eu sei que no mangá ele não chega a "peitar" os cinco cavaleiros de ouro juntos, e nem mesmo acredito que ele venceria essa luta, pois ele mesmo chega a recuar quando os 5 lhe fazem frente.
Mas logo depois Saga já se prepara pra encarar os 5 cavaleiros de ouro, creio que pelo menos um ou até dois Saga "levaria consigo".
Esta cena pode na verdade ter sido inserida mais pra dar aquele ar de:

P. Q. P. ! Ele é foda pra caramba... vai derrotar os cinco ao mesmo tempo!


Talvez todas estas cenas da luta final no anime tenham a finalidade de "enfatizar" o "poder descomunal que Saga possui", já que muito "disso" que dentro do próprio mangá nem chega a ser tanto assim...

Mas da pra analisar mais um detalhe dentro do anime.
Quando os cavaleiros de bronze elevam seus cosmos para enfrentar Saga, os outros cavaleiros de ouro (inclusive Shaka) ficam surpresos com a evolução dos 5, tanto que eles dizem:
  • Sintam o cosmo poderoso deles!
  • Durante a batalha das doze casas eles despertaram o sétimo sentido!
Mas o resultado igualmente deixou os cavaleiros de ouro surpresos, pois os ataques dos 5 de bronze que agora tinha o sétimo sentido e antes tinham sido capazes de fazer frene aos 5 cavaleiros de ouro sobreviventes (mesmo que por poucos instantes) nem mesmo chegaram a tocar em Saga.
Até mesmo aquele golpe de Seiya com o cosmo dos cinco juntos com todo aquele "protagonismo" não fez nenhum arranhão no cavaleiro de ouro e Gêmeos voltou como se nem tivesse sido golpeado.
Athena diz que o golpe de Seiya não "pode feri-lo muito" mas que o cosmo de Seiya atingiu "o cosmo maligno do coração do cavaleiro de Gêmeos".

Porém o desfecho desta batalha no mangá é totalmente diferente, vejamos:


Houveram muitos comentários dizendo que estava errado quando eu disse que Saga se matou...
...no anime quando ele tenta socar a Saori, a cena muda logo pra ele com o báculo dela em seu abdomem, então uma rajada de poder o mata...
...fato é que foi ele mesmo que puxou o báculo dela e golpeou a si próprio, foi sua outra personalidade que fez isso. Será que o pessoal não entende quando Saori diz:
Saga... Você!?

Acho que agora deu o "estalo" não é verdade?
Saga se matou!

Mas vamos ver como isso acontece no mangá:
Reparem nesta cena do mangá, que mostra como as duas personalidades que habitam dentro dele lutam entre si (seria essa outra personalidade que no anime puxou o baculo de Athena para sí).
E veja também que não é o Seiya que atinge o cosmo maligno e sim o poder do escudo de Athena que faz isso.
Logo após quando Saori chega no local em que Saga se encontra (após o mal ser retirado de seu corpo), ele lhe pede desculpas e logo após fazer isso se mata.
*Repare em como ele atravessou a própria armadura com um golpe.
Pois bem, de posse de todas estas informações está claro que dentro da saga do santuário, o mais forte dos cavaleiros de ouro é o saga, até porque ele é o "Boss final" do jogo, ou seja se seguirmos o exemplo de Dragon Ball, cada inimigo é mais forte do que o anterior, e como em qualquer game o ultimo é sempre o mais forte, então pela lógica o mais forte seria o Saga...

Um comentário sugeriu: Saga é mais fraco porque foi morto, e Shaka como está vivo é mais forte!

What a fuck???

4° Lugar (saga do santuário): Saga
Curiosidade:

Kanon de Dragão Marinho
Como dito por Ikki, ele é bem inferior a Saga, mas ainda assim em combate físico ("enfiar o tapa em alguém") ele é tão forte como Saga, ou seja, se o próprio Ikki que venceu Shaka e perdeu pra Saga, perdeu de novo pra Kanon, provavelmente Kanon estaria na posição 4,5° no meu ranking...
...piadas a parte, encare o Kanon aqui como uma curiosidade, assim como no caso de Orfeu, ok.

Mas mesmo assim lembre-se do que disse Milo:


  • Com sorte meu cosmo se iguala ao dele!


Além do fato que o Taizen e o game Soul of Gold, citam que Poseidon permitiu que Kanon tomasse o posto de Dragão Marinho, armadura esta que pertence a nada menos que "o marina mais poderoso" de Poseidon. Talvez o deus tenha percebido o poder do próprio Kanon por isso permitiu tal ato.
Na minha opinião isso foi na verdade, inventado depois só pra manter esse ar de que “gêmeos é o mais poderoso”...

4,5° Lugar: Kanon de Gêmeos/Dragão Marinho

Informações oficiais:

Ranking Hypermito

Existem 2 rankings oficiais com relação aos cavaleiros de ouro, o primeiro é o Hypermito, que é uma especie de livro escrito por Massami Kurumada que contem muitas informações interessantes, um deles é um ranking do cavaleiro mais forte ao mais fraco.
É importante observar que este livro foi feito antes que a saga de Hades fosse feita então ele esta mais próximo da “visão” que o próprio Massami tinha para a obra, antes que esta viesse a ser “alterada” por terceiros (ou aquilo que o próprio autor tenha esolvido mudar posteriormente), e como tal, estas seriam as informações mais “confiáveis” (entre aspas mesmo), até então.
Junto ao livro vinha um jogo de tabuleiro ao qual possuía um Ranking com os seguintes itens:
  • Ataque
  • Velocidade
  • Poder
  • Defesa

Trazendo a seguinte ordem:
Aiolos: 29, 21, 33, 27 resultado 110
Dohko: 30, 20, 32, 28 resultado 110
Como eu citei anteriormente, Aiolos tendo a mesma força de Dohko.
Saga: 30, 18, 32, 25 resultado 105
Também interessante esta colocação, e bem condizente com a "fama" dos respectivos personagens.
Camus: 28, 19, 27, 28 resultado 102
Shaka: 29, 20, 28, 23 resultado 100
Neste ponto a defesa de Shaka foi posta como menor que a de Camus, pois é dito que nem vários cavaleiros de ouro atacando juntos poderiam quebrar um bloco de gelo feito por Camus... ...mas é bastante plausível já que no mangá Camus congelou a perna de Shaka apenas de ter tocado nele.
Mú: 29, 19, 25, 25 resultado 98
Aqui temos Mú, "O Verdadeiro Rival de Shaka" por assim dizer.
O próprio Hypermito levanta esta questão, e narra um combate entre os dois, afinal entre os 12 Cavaleiro de Ouro os 2 são os que tem os poderes mais parecidos, também da pra por o Mascara da Morte como tendo poderes parecidos, pois ele também tem poderes espirituais e telecinéticos.

Milo: 28, 16, 27, 26 resultado 97
Shura: 29, 19, 25, 24 resultado 97
Afrodite: 28, 17, 25, 26 resultado 96
Aldebaran: 28, 15, 28, 22 resultado 93
Aldebaran possuindo "A Maior Força Fisica" entre os Cavaleiros de Ouro, merecia estar mais acima, mas este título foi introduzido pelo Episode G, e possivelmente nem existia nesta época.
Mascara da Morte: 27, 13, 27, 25 resultado 92
Aiolia: 28, 17, 22, 21 resultado 88
Temos neste Ranking Aiolia em último lugar, porém como argumentei na analise, certos detalhes foram sendo alterados como o passar do tempo e contribuições de outros escritores no universo da CDZ, então poderia ser essa uma possível explicação para Aiolia estar em ultimo lugar, já que naquela época nem se sonhava com Epsode G...

O Hypermito, não cita Shion, pois a saga de Hades não existia ainda, então o personagem ainda não havia sido criado (eu sei que ele existe desde o inicio, afinal foi morto por Saga, quero dizer que talvez Kurumada não pensava em usa-lo para lutar durante a história nesse momento), mas vendo Dohko na lista é óbvio que desde o inicio haviam planos para o personagem.


Saga e Shaka (Hades)

E chegamos a parte mais polemica de todas, onde vemos os caras que estão na frente da TV e não sabem o que esta acontecendo, ou com o mangá nas mãos (será que sabem ler?) e não sabem o que estão lendo.
Pra começar os três (Saga, Shura e Camus) ao passarem pelas doze casas, sempre “seguraram” seus poderes, Shura diz isso a Kamus. Diz que ele não deve conter o poder de seu golpe (no mangá), Saga diz o mesmo dentro do anime.
Analizando a trajetória dos 3 ao subir as 12 casas podemos notar algo interessante:
Shura e Camus sempre estiveram na linha de frente contra cavaleiros, como na luta com Mú e na luta com Shaka, enquanto Saga se encarregou de acabar com ilusões, atacar a longa distancia ou seja, obstáculos não humanos, sempre que Saga ia lutar contra um cavaleiro, Camus e Shura tomavam seu lugar. Milo disse algo curioso:

"Saga era tão forte que foi considerado invencível!"

Todo o santuário na verdade temeu simplesmente ouvir seu nome.
Na luta contra Mú, logicamente Camus e Shura tomaram a dianteira, e quando Saga decidiu que realmente ia “atravessar” Mú, Shion paralisou Mú, para salva-lo (será que você percebeu isso? Não lhe pareceu muito conveniente que assim que Saga resolveu que ia matar o Mú, Shion o paralisar tão rapidamente?).

Note bem na cena abaixo, a maneira que Saga e até Camus e Shura olham pra Shion:
Será que Shura e Camus tomavam a dianteira para assim como fez shion salvar a vida dos seus "ex amigos"?

Analisemos a trajetória deles através das 12 casas:

  • Em aries Saga lançou um poder “fraco” contra Mú, enquanto Shura e Camus que trocaram “alguns” golpes com ele.
  • Aldebaran foi morto por um espectro (fato interessante, dentro do mangá Aldebaran havia lutado contra Sorento, e durante a luta ele furou seus tímpanos, já no anime é Shum quem faz isso, então quando Niobe de Deep, invadiu a casa de touro, Aldebaran estava surdo, e cheirando uma flor, que pra sua infelicidade tinha o mesmo cheiro da fragrância profunda de Niobe, some ao fato dos espectros serem especialistas em esconderem suas presenças, e temos a armadilha em que Aldebaran caiu).
  • Na casa de Gêmeos, o Saga percebeu Kannon e atacou ele na sala do mestre.
  • Em câncer, Saga percebeu Shaka e cuidou da ilusão, depois Shaka os atacou.
  • Em leão um espectro deteve Aiolia enquanto os 3 passaram disfarçados.
  • Em virgem Shura e Camus lutaram apenas (a luta difere no mangá, sendo mais desigual para o lado de Shaka do que é mostrado no anime), Saga usou uma técnica mais fraca.
Repararam que o Saga não atacou ninguém pra valer, ele se preocupou mais com ilusões, quem realmente lutou contra outros cavaleiros foram Shura e Camus.


Ok, eu sei que é isso que querem, vamos falar da luta contra Shaka.


Nessa luta há muita coisa EXTREMAMENTE MAL INTERPRETADA pelos fãs de CDZ, e como em tudo que se transformou em anime, Kurumada expressou sua desaprovação com a versão animada em que dá a impressão de que Shaka é extremamente superior aos outros 3.
Bom, realmente se ficarmos só com a versão em anime podemos chegar a uma conclusão diferente do que o mangá nos apresenta.
Como eu já disse antes estou me baseando mais no mangá do que no anime, porém quero comparar os 2 para enfim tirar minhas conclusões.
Pulemos todas as enrolações e vamos falar logo do primeiro ataque feito por Saga, Shura e Camus contra Shaka de Virgem, ainda usando as surplices (sapuris) roubadas por eles.
No anime, para ilustrar melhor um drama, e uma cena mais impactante, Saga usa a Explosão Galactica, Camus o Pó de Diamante, e Shura sua Excalibur e Shaka usa sua barreira e defende-se facilmente de todos os ataques.

Mas esta cena poderia até mesmo ser chamada de “um erro na animação”, pois no mangá vemos que embora eles tenham feito uso de “suas habilidades” não eram seus golpes especiais que eles estavam usando, eram apenas simples “rajadas de poder”:
Na versão animada os espectros ao redor perguntam algo como que: Que técnicas são essas? Repare que nesta cenas não houve esse questionamento, pois este foi apenas um ataque de energia semelhante a aquele que Saga e Mú “trocaram”.
Então realmente pelo fato da animação ter colocado que estes eram seus golpes mais poderosos, isso sustenta ainda mais a visão de que Shaka é superior aos 3 juntos.
Mas existe aqui uma afirmação bastante ousada e “cara”, eu tenho que dizer: Acho essa frase hilária... ...kkk...
  • Nem todos aqui temem suas bruxarias!
Seria apenas arrogância por parte de Saga dizer isso?
O “próximo round” foi um pouco mais duro por assim dizer, mas logo de cara eu afirmo:
Durante a luta Shaka usou seu golpe supremo!
Mas quem ai viu a Explosão Galactica na luta? Ou a Execussão Aurora?
Apenas Shura usou sua Excalibur 1 vez, mas possivelmente com seu real poder reduzido, repare como o embate é bem diferente da versão anime:
Note que nem mesmo existe aquela DEFESA ABSURDA que Shaka usa contra a Excalibur de Shura.
E na hora em que Shaka baixou a guarda o Saga usou a outra dimensão em que (palavras do próprio Kurumada) “quase que Shaka foi mandado para outra dimensão”...
...agora pense, e se naquele momento fosse a Explosão Galáctica?


Seria a cena abaixo o momento em que Saga pensou melhor no que fazer para não matar Shaka?
Repare na expressão que Saga faz, como se não quisesse fazer aquilo, e também na expressão perplexa de Shaka e o “suor frio” que desce em seu rosto:
De todo modo, o "uso das técnicas mais fracas" deles nesse combate é também uma grande evidencias de que eles NÃO LUTAVAM A SÉRIO!

*nota: No mangá Epsode G, existe um combate entre Saga e Shura.

Shura ataca com Excalibur com toda a força!
Saga se defende com a mão nua!
Após isto Shura lança varios golpes da Excalibur ao mesmo tempo e Saga se defendeu vestindo sua armadura. Ele disse:
  • Se não dá pra se esquivar do golpe basta suporta-lo!
Isso seria a prova dos "braços de ferro" que ele teria herdado de Pólux de Gêmeos ao qual recebeu do deus Hefesto e que como mostrado no próprio mangá e também no jogo de Play 2 que estes braços lhe permitem atravessar dimensões, rasgando-as como se fossem papel, além de lhe conferir a habilidade de trazer pedras e meteoros de outras dimensões, sendo ainda uma espécie de defesa, se repararmos Saga sempre se defende de golpes do adversário parando-os com as mão, ele fez isso com Seiya tanto no mangá como no anime, assim como fez com Aiolia após a morte de Shaka.
Na verdade citar isso pode até provar que a armadura de ouro pode resistir a Excalibur de Shura, mas essa questão nunca foi levantada, pelo próprio Kurumada e sim por terceiros, então não sabemos se em uma obra vinda do próprio autor isso seria uma realidade.
Mas quando vemos Shyriu cortando a lança de Krishina com a Excalibur pensamos que Shura poderia ser capaz de cortar uma armadura de ouro, porque embora as escamas sejam mais fracas que as armaduras de ouro, também a Excalibur de Shiryu era mais fraca que a de Shura naquele momento.

Agora outro fato bastante curioso:
Seria também uma prova dos "braços de ferro de Saga" quando ele traspassou a própria armadura quando se suicidou no mangá?
No anime vemos Shiryu arrancando o braço de Shura, mas no mangá isso não ocorre...
Me desviei do assunto de novo (kkk...) voltemos a luda da tríade contra Shaka...

Pense nisso um instante, Shaka luta com seu poder máximo quando abre os olhos certo?
Então qual o motivo de apenas Camus e Shura lutarem e mais do que isso, lutarem pegando leve contra Shaka já com os olhos abertos?
Na realidade creio que o combate dos 3 contra o cavaleiro de Virgem não é uma base sólida, pois aquela saga não passa de encenação do inicio ao fim!
Cada lado tinha sua missão própria, e aparentemente ambos os lados "se ajudaram" a cumprir suas respectivas missões.



Teve um comentário aqui (excluído), que até me xingou quando eu disse que a luta foi encenação, dizendo que Saga e os outros lutaram sim com todas as forças, mas pare e pense nos seguintes fatos:
  • Para começar Saga, Shura e Cammus choraram lagrimas de sangue no inicio da saga, isso porque não queriam matar Athena de verdade, e nem seus companheiros.
  • Shura atacou Mú, e Cammus interveio dizendo que não queria que Mú sangrasse até morrer e atacou-o com o pó de diamante (Anime).
  • Saga disse a ambos que eles não deviam conter seus poderes, ou Mú não seria derrotado e se preparou para atacar (mangá).
  • Nessa hora Shion paraliza Mú. Parece muito oportuno não é? De fato ele estava salvando Mú e não o detendo como ele mesmo afirma.
  • Os 3 evitaram lutar contra outros cavaleiros de ouro quando possível, deixando que outros espectros lutassem em seu lugar.
  • Quando os três atacam Shaka ainda disfarçados de espectros usaram "técnicas ridículas".
  • Na luta contra Shaka Saga fica apenas olhando.
  • Shura NÃO ataca com "grandes poderes" tal como a luta de Shyriu.
  • Cammus não usa a Execução Aurora.
  • Saga não usa a Explosão Galáctica.
  • A exclamação de Athena é sugerida por Shaka. ELE QUERIA que os três a usassem.
  • Mú afirma que Shaka tinha a intenção de morrer e não permite que ninguém vá lhe ajudar.
  • Mú insiste em dizer a Aiolia que a morte de Shaka tem algum significado, enquanto Aiolia não quer ouvi-lo.
  • Saga, Shura e Cammus, após matarem Shaka tentam confessar que não tinham a intenção de fazer o que fizeram.
  • Mestre Shion afirma com todas as letras que "tudo isso" foi pela armadura de Athena, e que eles FINGIRAM estar do lado de Hades.
E por último vamos testar seu entendimento...

  • Supostamente Mú matou Afrodite e Mascara da Morte. Então por que eles foram para o castelo de Wyvern? O castelo não fica no nosso mundo? Tanto que Radamanthys os mandou para o seiki shiki, pra depois os atirar no buraco que dá no mundo dos mortos.
Se você achava que Mú tinha derrotado Mascara da Morte e Afrodite, sinto muito mas você não entende nada de CDZ!

Dá até pra fazer um "paralelo" dessa informação, assim como no caso de Mú as coisas não eram o que pareciam, também ocorre no caso do combate da tríade contra Shaka...

Vemos no mangá que a saga de hades é de longe a mais bem desenhada, sabemos que Kurumada tinha certa pressão para escrever tudo rapidamente para que pudesse ser feito o anime, porém na época da saga de hades, o anime havia sido cancelado e já não havia essa pressão, o que lhe deu tempo de atentar melhor para a história e inserir cada um destes detalhes que citei acima, e que tem um impacto bem maior no mangá do que no anime.

Já li um comentário na net que sugeriu o seguinte:
Saga era mais forte que Shaka, no começo, na saga do santuário, mas após a morte de Saga, Shaka continuou treinando por seis meses e superou o cavaleiro de Gêmeos.

Será? Kkk...

Mas acho que o mais decisivo nessa luta foi a questão da "proteção de Athena", e as armaduras inferiores.
No universo CDZ, os "guerreiros" são protegidos por "seus deuses" e há muitas provas disso dentro do anime:

  • Abarreira de Hades que enfraquece os adversários e permite que os Espectros transitem entre o mundo dos vivos e o dos mortos.
  • O santuário é protegido e selado pelo cosmo de Athena, por isso o teletransporte é impossível.
  • "Enquanto Athena tiver Nick a deusa da vitória em sua mão direita, sempre guiará seus cavaleiros para a vitória" (principal motivo de Seiya e os outros terem conseguido passar pelas 12 casas, já que isso NUNCA havia acontecido).

Agora vou citar informações que vem de "OVAS", mas devido as circunstancias creio que estas se encaixam naquele caso em que tais informações vem para preencher certas lacunas dentro do anime:


No Hypermito é dito que a "Grande Vontade" criou tudo, também é dito que os deuses antes de serem deuses, eram humanos que conseguiram alcançar a "Suprema Virtude", também conhecida como 9° Sentido, e se tornaram deuses, por isso também no universo existem deuses de varias mitologias, Grega, Nórdica, Egípcia (Mangá Epsode G), e Chinesa (Citada no filme de lúcifer). Dentro de CDZ também existe Deus (digo Deus do Cristianismo, Jeová) e Ele é dito por Hyoga como O Criador no filme da Batalha Final, sendo Ele portanto O Criador dos Humanos (supostamente seria Ele a "Grande Vontade"), isso inclui também aqueles que mais tarde se tornaram deuses pela "suprema virtude", seria então Ele o Deus dos deuses dentro do universo de CDZ.
Bom mas e ai?


  • Na luta contra os cavaleiros da Coroa do Sol de Abel, é dito que os cavaleiros perderam a "proteção de Athena" e sendo assim É IMPOSSIVEL DERROTAR ALGUÉM QUE TENHA A PROTEÇÃO DE UM DEUS.
  • Por isso Cammus e Shura são vencidos tão facilmente, pois estavam sem a proteção de Athena, enquanto seus adversários estavam protegidos por Abel
  • Na luta de Hyoga contra Berengue de Coma Berenice, Hyoga estava tomando uma surra, quando vê a Cruz do Norte de sua mãe, e se lembra "do Deus de sua mãe" que pregava o amor e não a destruição, sendo assim Hyoga realiza um milagre e derrota Berengue com facilidade, já que é visível que anteriormente seus ataques eram parados de forma muito fácil, e nesse momento o ataque de Hyoga simplesmente "atropela" Berengue. Supostamente esse fato pode ser atribuído a Deus que Hyoga teria "invocado" naquele momento.
  • É verdade que Saga teve de sacrificar para acabar com Jaô (mas isso se deve ao fato de que Jaô estava protegido por um deus e Saga não, o que também mostra um enorme feito de Saga em derrotar O CAVALEIRO MAIS PODEROSO SE ABEL sem estar protegido por um deus).
  • Atlas espancou Seiya, quando este estava igualmente sem a proteção de Athena, mas posteriormente, com a união dos 3 com armaduras de Ouro ele foi derrotado.
  • No filme de lúcifer, Seiya pede auxilio a Deus (Jeová), em certo momento ele sente um poder grandioso ao seu redor, e os cavaleiros de ouro voltam milagrosamente a vida (não foi Athena que fez isso!!!), e possibilitam que Seiya use o golpe com a luz do sol na flecha de Sagitário.

Ressaltei todos estes pontos para mostrar que naquele momento Shaka estava protegido por Athena, tal como Radamanthys no castelo de Wyvern por Hades, já que apenas após a morte de Shaka e sua mensagem chegar até Athena que ela se deu conta do que realmente estava acontecendo!


Todos esses fatos são semelhantes a primeira vez que Seiya usou a armadura de Sagitário e Aiolos deu um pouco de seu poder a Seiya, lembre-se, Seiya disse:

  • O meu cosmo esta crescendo por causa de um poder externo de grande influência.
E como mostrado também no anime a armadura interfere e muito no poder de um cavaleiro! Não que ela em si lhe dê mais poderes, é na verdade como na explicação dada por Meliodas a respeito do Mana:
Imagine o mana (ou o cosmo) como sendo um lago, e você pode pegar com as mãos apenas uma pequena quantidade de água de cada vez, por isso é necessário uma boa arma (ou armadura) para pegar maiores quantidades de cada vez.


Ou seja, não importa se você tem mil litros de cosmo, se sua garrafa for de 2 litros é só aquilo que se pode retirar por vez, se o adversário tem uma garrafa de 5 litros você estaria em grande desvantagem.


Por isso Seiya aparentava estar mais forte quando vestia a armadura de Sagitário, pois ele tinha acesso uma parte maior de seu cosmo.


*Pensando nisso a técnica de Shaka consiste em guardar um pouco destas quantidades que ele retira por vez, pra depois usar todas de uma vez?


Alem da Proteção de Athena (e de Nick), e da armadura, ainda existe também a proteção da constelação guardiã, que como dito em Lost Canvas, Athena fez uma “especie de ligação” entre a armadura e sua constelação, e era nessa condição tão inferior que Saga e os outros se encontravam, sem uma armadura capaz de utilizar seus poderes (da pra ver a inferioridade das armaduras deles quando vemos que elas foram quebradas varias vezes enquanto as armaduras de ouro dos outros cavaleiros não sofriam nada), sem a proteção de suas constelações e sem a proteção de Athena.
Já no caso de Shaka, ele gozava de tudo isso.

Houve mais uma vez um comentário aqui que abriu uma discussão interessante para o assunto:


O comentário dizia que um inimigo que perde é mais fraco que o que ganha, então logicamente Saga era mais fraco por que perdeu!


Bom, estamos falando de Saint Seiya e não de Dragon Ball...


Massami Kurumada e Yoshihiro Togashi (criador de Yu Yu Hakuso e de Hunter x Hunter) são adeptos de uma linha de pensamento que diz que um guerreiro mais fraco pode vencer um mais forte dependendo das circunstancias e de como eles lutarem, ou seja é um pensamento mais condizente com a realidade em que vivemos.
Não é porque alguém perdeu que ele necessariamente é mais fraco que o vencedor, vamos citar outro exemplo:
Inu Yahsha ganhou varias vezes de Seshoumaru, e todos nós sabemos que Seshoumaru é mais forte, as vitórias de Inu Yasha foram atribuídas a espada Tessaiga ou as circunstancias, ou alguém ai realmente acha que Inu Yasha ganharia se não estivesse com a espada?
Dentro do próprio Hunter x Hunter, Gon venceu o Bombadeiro e outros adversários mesmo sendo MUITO inferior em alguns casos.


Pois bem dentro de Saint Seiya foram estas as circunstancias que permitiram que um personagem mais fraco (Shaka) "dominasse a luta" contra um adversário mais poderoso (Saga).


Quer outro exemplo dentre do próprio CDZ?
Shum é considerado com o maior cosmo dentro dos 5 cavaleiros de bronze, mas Ikki é considerada o mais forte deles.
Será que em uma luta a serio Shum seria capaz de derrotar Ikki?
Particularmente creio que não.
Não seria esse um caso semelhante, sendo Shaka aquele que tem o maior cosmo e Saga o mais forte em combate corpo a corpo?

É como uma luta de boxe por exemplo, um cara de uma categoria abaixo pode sim derrotar um oponente maior e mais forte, mas as chances são de que "ele tome um cacete" ... kkk...


4° Lugar (saga de Hades Mangá): Saga
Embora devamos admitir, existem sim argumentos para apoiar a superioridade de Shaka, principalmente se tratando do anime.

Minha opinião sobre o que trasportou Shaka ao posto de cavaleiro mais poderoso:
Desde o inicio Saga foi idealizado para ser o mais forte, e Shaka não possuía este papel, mas Shaka se destacou muito pelo fato de ser um personagem completamente diferente dos demais, que eram todos gregos, enquanto ele era um Budista, e sabemos que o Japão é em enorme parte Budista e Shintoista, então houve essa “afinidade” com o personagem Shaka. A saga de Hades Santuario, e o Episode G, sairam bem próximos um do outro.
Hades a Saga do Santuário foi animado em 2002 saindo diretamente para DVD, por isso não possui vinheta de intervalo.
Epsodio G saiu em Janeiro de 2003.
Fato é: A animação puxou muito para o lado de Shaka, diferente do mangá que deixa as coisa mais iguais, talvez tenham feito isso pela possível “afinidade” com Shaka que citei anteriormente (ou o diretor não teria sacado algumas coisas do mangá, ou simplesmente era mais fã do Shaka...), e este foi o estopim da era de do “Shakismo”.
Antes disso “tudo era Saga”, lembra-se da polemica do irmão de Saga?
No fim do capitulo Ikki pergunta: Saga esta vivo?
E uma mensagem diz: Claro que continua...
Bom, se Shaka foi “elevado” na animação, obviamente Megamu Okada entrou na onda, e poz Shaka em “outro patamar” dentro de Epsode G. Durante a Saga de Hades Santuário no mangá os cavaleiros de bronze não estão presentes, ou seja os cavaleiros de Ouro "são os astro", isto que impulsionou a produção de Episode G, Aiolia tem também algum destaque nesta faze, talvez por isso ele tenha sido escolhido como protagonista do mangá G.
É fácil notar as “influencias entre obras”, o game Saint Seiya Chapter Hades de Ps2 copiou o estilo “magrelão” dos cavaleiros de Episode G e aplicou em seus modelos. Muitas cenas de Lost Canvas foram inspiradas em Episode G.
Possivelmente foi isso também que teria inspirado que em Saint Seiya Ômega Fudou de Virgem fosse o mais poderoso, e isso é dito com todas as letras...
...mais e o Seiya de Sagitário?
É eu sei, também vi rankings pela net em que poem Seiya de Sagitário como o mais forte, mas nem citam o Fudou... ...kkk...
Ranking Taizen (enciclopédia CDZ)

No Taizen, que seria uma enciclopédia CDZ, lançado posteriormente pela Toe traz um ranking baseado em 5 itens:
  • Soco
  • Chute
  • Armas (ou objetos)
  • Mental
  • Força
O COSMO não faz parte desta lista pois ele não é uma constante, variando de acordo com a situação, estado emocional do Cavaleiro, além de influencias externas como a armadura que ele usa, proteção de deuses, entre outros.

Marcando a pontuação em cada critério e somando-a temos os seguintes resultados:


1º Lugar – Shion de Áries – 25 pontos
Shion em primeiro lugar não é nenhuma surpresa considerando seu status e experiencia.


2º Lugar – Dohko de Libra – 24 pontos
Dohko fica atrás de Shion apenas 1 ponto, mas sei la, 12 armas não dão a ele mais pontos?


3º Lugar – Thanatos – 23 pontos.
Estranho é que Thanatos entre neste rankink abaixo de Shion e Dohko, isto é, abaixo de 2 humanos.


4º Lugar -Aioloz e Hypnos – 22 pontos
Aioloz, o cavaleiro que carrega o signo de Kurumada e título extra-oficial de cavaleiro mais poderoso de sua geração.


6º Lugar – Io – 20 pontos
Que surpresa! Um marina mais poderoso que os Cavaleiros de Ouro!
O único problema de Io é ser muito convencido, tendo mostrado suas técnicas a Shun e fazendo-as assim conhecidas do cavaleiro de Andrômeda.


7 º Lugar – Saga, Shaka, Aiacos, Minos e Milo – 19 pontos
Especificamente Saga e Shaka:
Saga: 5,2,2,5,5 resultado 19
Shaka: 4,3, 2, 5, 5 resultado 19
Saga tem um soco mais forte que o de Shaka!
Shaka chuta melhor que Saga!
Quanto a Aiacos e Minos também é bastante plausível, pois os 3 juízes do inferno são tão poderosos quanto os Cavaleiros de Ouro. Porém com relação a Milo creio que ele não devesse estar no mesmo nível que Saga e Shaka.

12º Lugar – Ikki, Mu, Afrodite e Daidaros – 18 pontos
Daidaros (Albion no Anime) em meio a esta lista também é algo bastante aceitável, pois ele é um Cavaleiro de Prata tão forte quanto os Cavaleiros de Ouro, também temos o Ikki, o mais poderoso dos Cavaleiros de Bronze.


16 – Lugar – Kanon, Shura e Radamanthys – 17 pontos
Neste ranking, temos Radamanthys muito abaixo dos outros juízes, sempre pensei que eles fossem equivalentes.


19º Lugar – Seiya, Aldebaran, Camus, Máscara de Morte, Bian e Orfeu – 16 pontos
Quem diria que o principal do anime é 19° colocado no ranking, pessoalmente creio que Shun e Ikki sejam mais fortes que Seiya, mas enfim nada do que reclamar aqui...


25º Lugar – Shiryu, Shun, Marin, Sorento, Kasa e Khrishna – 15 pontos
Aqui a coisa já fica estranha (mais ainda?): Marin?
Sabemos que ele é uma Amazona de Prata e naturalmente mais poderosa que os 5 Cavaleiros de Bronze no inicio do anime, e que ele também deva ter o mesmo potencial deles, de despertar o sétimo sentido, alias até mais do que eles por estar em uma posição mais alta, porém sabemos que durante o anime ela não teve esta oportunidade, então é estranho vê-la aqui.


31º Lugar – Hyoga e Isaak – 14 pontos
O mais fraco dos Cavaleiros de Bronze segundo esta lista.


33º Lugar – Aiolia, Shina e Thetis – 12 pontos
Aiolia no mesmo nivel de Shina e Thetis?
Shina mostrou que igualmente a Seiya e os outros também poderia despertar o sétimo sentido, quando entrou na frente do golpe de Aiolia, ao qual nem ele mesmo percebeu, mas igualmente a Marin ela não teve tal oportunidade de se desenvolver tanto dentro do anime.
Quanto a Thetis não preciso nem dizer ela perdeu fácil pra Shina.
Pra mim esta lista é meio furada kkk... ...mas enfim... ...é oficial...

***O Taizen (Enciclopédia CDZ), diz que Aiolia e Shaka são cavaleiros equivalentes, ou seja, tem a mesma força... ...é eu sei que contradiz o ranking, mas é uma informação oficial...

Saga e Shaka (Next Dimension)

No mangá Next Dimension (Continuação da Saga de Hades), os cavaleiros voltam no tempo, afim de destruir a espada de Hades que ainda esta cravada no peito de Seiya (embora este mangá descarte o Prologo do Céu, mesmo assim ele tenta relacionar-se com ele, por exemplo apresentando os mesmos personagens, e também se relaciona levemente om Saint Seiya Ômega). Athena, Shun vão para essa missão inicialmente sozinhos, e posteriormente seguidos pelos outros cavaleiros. E lá eles enfrentam os cavaleiros de uma época anterior a deles próprios, porém como o nome sugere: Next Dimension ou seja um “Nova Dimensão”. Se trataria então de um “universo alternativo” e teoricamente poderia não “invalidar Lost Canvas.


Durante esta saga é mostrado um “Leão de Leão”... ...kkk.
Kaiser salva os filhotes de leão...
*Obs: Antes que você diga:
Ahh, o Shun tá estranho!
Dentro do mangá não existe cabelos “coloridos”, como azul, verde, rosa, existe apenas as cores naturais, pretos, castanhos, ruivo, loiros. Shum e Cammus tem cabelos castanhos, Afrodite e Saga são loiros, compare abaixo as cores do anime e as do mangá:

Curiosidades a parte, coisas muito interessantes e mais ainda... ...Decisivas!!! São ditas aqui:

Ikki diz que o cavaleiro mais forte da sua geração era o Saga, após ser atacado pelo cavaleiro de Gêmeos daquela época, ele ainda diz que a Explosão Galáctica de Cain supera a de Saga, aceitando que Cain pode ser mais forte que Saga, e Saga é mais forte que Shaka, e Shaka é mais forte que Shijima, concluímos que em qualquer geração o cavaleiro de virgem é inferior ao de Gêmeos...

Brincadeira!!! kkk... ...só to pegando no pé dos fãs do Shaka hehe...

O grande destaque portanto, fica para estas duas paginas do mangá Next Dimension...
Foi uma boa sacada que Kurumada fez com que o Ikki diga isso, pois ele, combateu ambos, Saga, Shaka e até Kanon, então ele é o que mais poderia "ter base" pra isso.

Alguém comentou:
Isso de um personagem dizer que esse ou aquele é o mais forte é apenas a opinião dele não a realidade!

Ok, eu não discordo disso!
Mas as regras das obras de Tolkien e das Cronicas de Gelo e Fogo realmente se aplicam a Saint Seiya?
Creio que não seja este o caso, pois o mangá se passa em um universo "bidimensional", em que a unica forma do autor passar as informações que ele quer que saibamos é fazendo seus personagens dizerem isso, e no caso esta posição de que o Saga é mais forte é a que mais "perdura" pelas obras e o passar do tempo.

Outro comentário sugeriu:
Por que eu considero apenas essa fala de Ikki e não a de Shaka que disse: Eles FORAM considerados os mais fortes! ???
Bom, como eu disse antes, porque esta foi a ultima coisa dita a respeito do assunto. Após o episodio em que Shaka diz isso (não estou certo se ele diz o mesmo no mangá), Kurumada voltou a insistir "com essa de Saga ser o mais forte". Em ultima instancia, será que Shaka não disse "foram" mais porque eles morreram do que por terem sido superados???
Pela logica, se o homem mais forte do mundo morresse, o segundo homem mais forte passaria a ser o mais forte, mas não por ter superado o primeiro, e sim porque, não haveria mais o primeiro... ...mas estou divagando.... ...o fato é que quem foi dito como o mais forte por ultimo foi o Saga.
E você verá que esta "fala" irá se repetir de novo...

Mas nem tudo é Saga...

Também aparecem fatos muito legais por parte de Shaka, que aparece em pessoa (ou espirito...) para enfrentar Shijima e diz que quer que Shum seja o próximo cavaleiro de Virgem.
Ainda durante esta luta, na qual vemos que Shijima se privava de falar para assim aumentar seu cosmo da mesma maneira que Shaka, e o próprio Shijima afirma que Shaka é o mais poderoso dos Cavaleiros de Virgem que já existiu.

O cavaleiro mais próximo de deus... 
Essa alcunha não tem muito haver com seu poder de combate!
E sim com o papel que ele desempenha!

Ele é chamado assim por ter o oitavo sentido desperto, e assim o tornando próximo de um deus, mas isso é mais com relação a habilidades do que a poder de combate em sí.
Explicando melhor.
Existem tarefas que apenas um deus conseguiria realizar, a exemplo de que apenas o sangue de Athena poderia ressuscitar a sua armadura. Existem outras tarefas que seriam necessário um deus.
Por isso existe um cavaleiro “próximo de ser um deus” para cumprir estas tarefas sempre que necessário, pois ninguém “carrega um deus no bolso a todo momento”...
Shaka pode auxiliar Athena em tarefas especiais, tal como ele mesmo fez ao se deixar matar para assim ressuscitar no inferno ao lado de Athena (será que ele realmente morreu? Se sua armadura supostamente foi desintegrada com seu corpo como ela reapareceu no inferno com ele? Ela não tem as habilidades da armadura de fenix! Pro exemplo na luta contra Ikki apenas o corpo deles se foi, a armadura ficou. Shaka poderia ter usado o poder do golpe dos 3 para passar despercebido pelo Seiki Shiki?).

Outros exemplos de tarefas assim, foi quando no Episode G, por influência de Chronos e dos titãs os monstros mitológicos voltaram a aparecer, e Shaka se retirou para queimar seu cosmo e banir estes monstros da terra, ocasião na qual Aiolia mesmo "ressentido" por Shaka se opor a Aioloz, mesmo assim Aiolia o protegeu.
Mais um exemplos de tal papel seria quando Asmita de Virgem queimou seu cosmo para criar o rosário que selava as almas dos espectros, o mesmo rosário que estava em poder de Shaka posteriormente.
Embora este não tenha sido o único "grande feito" de Asmita.

Bom, Shaka é dito como o mais próximo de deus, como incrível, como poderoso (o próprio Saga o chama de "homem incrível"), como o CAVALEIRO DE VIRGEM mais forte de todos os CAVALEIROS DE VIRGEM por Shijima de Virgem.
Porém, contudo, entretanto, todavia...
Mais poderoso dos Cavaleiros de Virgem não é o mesmo que mais poderoso dos 12 Cavaleiros de Ouro, lembrem-se disso o pessoal que usa esse argumento!
Talvez o Kurumada pensou em dar “algum título mais grandioso” ao personagem, visto sua popularidade.

"Duelo dos Virgens"
Com relação a Shijima, ele também é considerado o mais próximo de deus em sua época. Durante seu confronto com Shaka (especificamente o cosmo de Shaka que estava na armadura de Andrômeda), Shijima abre sua boca (assim como Shaka mantinha os olhos fechados), e um estrondo ecoa, isso simboliza o fim do universo e chegada das trevas, e a abertura dos olhos de Shaka, simboliza a criação do universo e a luz que dissipa as trevas.
O duelo é impedido por Shun (maldito Shun eu queria ver esse combate épico!)...


Agora pense nessas duas coisas...
  • Se Shaka é o mais próximo de um deus, quer dizer falta pouco para que ele se torne um deus, e o cavaleiro de Pegasu é o matador de deuses, quer dizer que é um pouco mais fácil pra ele derrotar Shaka???
  • Se Shaka fecha os olhos, Shijima a boca, o cavaleiro anterior fechava as orelhas???
Enquanto assistia a “luta dos virgens” Saga dizia...
  • Shaka jamais será vencido! Mesmo que o céu venha abaixo! Jamais ele será vencido!
Partindo para o mangá Episode G Assassin, temos a menção de que se Shaka era o mais próximo de um deus, Shun de Virgem é um cavaleiro "totalmente divino" (evidenciando mais ainda a superioridade de Shun dentre os 5 cavaleiros de bronze, já que no mangá Next Dimension Ikki alega que Shun é mais poderoso que ele mesmo).
Dentro de E G A, os cavaleiros de bronze elevaram seu status a cavaleiros de ouro:
 É claro que não podemos NUNCA esquecer que Shaka, é dito como a reencarnação de Buda (Sidarta Gautama), em algumas linhas (existem diferente interpretações, assim como em toda religião) de Budismo, Buda (buda significa o iluminado, todos os budistas buscam se tornar um buda, e de fato existem "muitos budas" e homens santos dentro da religião, mas dentre eles existe o "buda principal", Sidarta Gautama), seria um avatar (avatar seria o corpo físico usado por um deus, não o Ang ou o avatar da Disney...) do deus Brama, ou até mesmo de El Cantare o deus criador dependendo da linha de budismo que se esteja estudando.
Então vendo por esse lado Shaka poderia ainda ter um papel muito maior no futuro, inclusive sendo um deus a altura ou até superior a própria Athena.

Obs. Muitas pessoas associam esta imagem a buda:
Mas este é Hotei, um monge chinês, pense nele como algo semelhante aos santos da igreja católica, para facilitar o entendimento.
Este seria o verdadeiro buda, ou seja o príncipe indiano Sidarta Gautama (note que é esta a imagem associada a Shaka):

4° Lugar (Next Dimension): Saga e Cain de Gêmeos

Próximo!

Saga e Shaka (Sol of Gold)

Tópico ainda em edição...


Saga e Shaka (Episode G)

Ainda em edição também...

Saga Afirma que Shaka é um cavaleiro a ser temido, e diz que os 2 e Aiolia são os únicos cavaleiros de ouro em nível de "Super Nova".

Feitos de Saga em Episodio G
  • Atingiu seres sem corpo.

  • Shura foi capaz de cortar planetas, Saga foi capaz de se defender de seus golpes...
  • Rachou a armadura de Shura e destruiu uma galaxia com uma Explosão Galáctica que saiu da terra (no mesmo golpe).Tenho que dizer: "Isso sim foi uma Explosão Galáctica" hehe...
  • Khaos diz que Saga poderia distorcer o tempo e espaço de TODO O UNIVERSO!
Colocação (Episode G): Pendente...

Saga Saintia Sho
O Lado maligno de Saga afirma que Aiolia estava enganado se acha que eles teriam uma luta de mil dias, pois com a nova vida que ele recebeu seu poder estava muito maior, e derrota Aiolia usando apenas metade de seu poder.

Colocação (Saintia Sho): Pendente...

Gêmeos e Virgem (Lost Canvas)
...em Lost Canvas, Asmita de Virgem afirma que Defteros de Gêmeos pode destruir estrelas.

Apenas para registrar:
Alguns feitos "dos Gêmeos em Lost Canvas":


  • Aspros foi capaz de ferir Hades e Kairos.
  • Defteros parou as armas de Libra com os dedos!
  • Derrrotou o deus Kairos.
  • Pode abrir um portal para a Hiperdimensão que leva aos Elísios.
  • Usou o rosário de Asmita

Creio que o enredo melhor trabalhado que Lost Canvas apresenta foi o que motivou Kurumada a escrever Next Dimension, e oficializa-lo como a "verdadeira saga do seculo 17", tornando assim Lost Canvas um spin off. Ou seja: Puro ciume da popularidade de LC!


Minha lista do Lost Canvas:
  • 1° Dégel de Aquário, sozinho derrotou Poseindon e destruiu Atlântida.
  • 2 ° Asporos de Gêmeos, venceu Kairos, deus (irmão de Chronos) do tempo.
  • 3° El Cid de Capricórnio, derrotou os deuses dos sonhos.
  • 4° Regulus de Leão, podia usar a Exclamação de Athena sozinho.
  • 5° Asmita de Virgem criou o colar que sela os espectros.
  • 6° Manigold de Câncer que junto com seu mestre derrotou Thanatos.

Agora para os desavisados uma "REVELAÇÃO BOMBASTICA"!!!
O verdadeiro mais poderoso cavaleiro de ouro é ninguém menos do que:

Shina de Cobra
Não você não leu errado!

Shina de Cobra, ou mais precisamente Shina de Ophiuchus!!!
Como isso?
Eu explico:
Uma das grandes revelações do mangá Next Dimension foi o 13° cavaleiro de ouro (sim os signos são 13 e não 12 na verdade, atribui-se que o numero 13 seja um numero de mal agouro, assim como a serpente no ocidente, por isso ele foi deixado de lado dentro da astrologia), e este cavaleiro seria verdadeiramente o cavaleiro de ouro mais poderoso de todos, porém por ser tão poderoso ele começou a "se achar demais", a ponto de querer superar Athena, foi então que ela o baniu do santuário, fazendo desaparecer até mesmo a lembrança de uma 13ª casa do zodíaco.
O mais curioso é que algumas pessoas acham que isso é uma invenção de fãs...
Galera isso é do mangá Next Dimension, escrito e desenhado por Massami Kurumada, o criador de Cavaleiros do Zodíaco ou Saint Seiya em japonês, NÃO É COISA DE FÃ NÃO, É HISTÓRIA OFICIAL!!!
No game Saint Seiya Chapter Sanctuary do Ps2 lançado em 2004, essa história já havia sido contada, porém com uma "ligeira" mudança, no desfecho final, descobre-se qui Shina seria o tal 13º cavaleiro (amazona) de ouro e claro que temos de enfrenta-la...
*nota: A constelação de Cobra e de Ophilcos (serpentario) não são a mesma, são 2 constelações diferentes.

Mas citando o verdadeiro décimo terceiro cavaleiro de ouro (e mais poderoso de todos), ou seja Odisseu de Ofiúcu:
Recentemente ele fez sua "entrada triunfal" no mangá Next Dimension (dependendo de quando esteja lendo isso o anime já pode ter sido lançado, e claro que se houver alterações acrescentarei ao texto logo abaixo), e Cain de Gêmeos (o mesmo dito por Ikki como mais poderoso), tentou se aliar a Odisseu afim de dominar todo o mundo, como todo bom cavaleiro de Gêmeos, e durante o combate de ambos, Odisseu disse o seguinte:
Gêmeos reconhecido de geração em geração como o mais poderoso, inclusive entre os cavaleiros de ouro...

Então o cavaleiro de ouro mais poderoso disse que o cavaleiro de ouro mais poderoso (é também buguei...) é o de Gêmeos em varias gerações...

Vendo todos estes fatos, só confirmam minha teoria, de que lá no inicio, Kurumada criou Saga para ser o mais forte dos cavaleiros de ouro, e que as confusões apareceram relacionadas a Shaka por parte do envolvimento de terceiros na obra, vejam que Kurumada veio a confirmar sua "visão inicial" para gêmeos...

Contudo, este trecho: "inclusive entre os cavaleiros de ouro"...
Seria alguma tradução errada, ou teria algum outro significado oculto? Até mesmo contrario ao que entendemos até agora?

Saga e Shaka, possível combate

Kurumada também já disse isso aqui, em entrevista:
  • Shaka é o mais próximo de deus, então se tivesse de escolher um mais forte seria ele.

Existem pessoas que dizem que Kurumada estava bêbado quando deu esta entrevista, pois sabemos que ele é alcoólatra, mas a verdade é que nem ele mesmo sabe quem é o mais forte, ou nem se importa com isso, pois sabe que qualquer um poderia vencer o combate dependendo das circunstancias...

O "Combate" Saga vs Shaka! ("sessão respondendo comentários").

Explosão Galáctica vs Sopro de Athena
Houve um comentário que disse:
Shaka afirmou:
A única forma de me vencerem! O que significa que apenas usando a Exclamação de Athena poderiam vencer Shaka, o golpe de três cavaleiros reunidos... Você dizendo que a Explosão Galática de Saga mataria Shaka, estaria afirmando que tal poder é maior ou igual a Exclamação de Athena...
Sabe que eu pensei a respeito disso, e vejam se não bate!?
A Exclamação de Athena é um poder comparável ao Big Bang, só que em escalas menores, é dito que tal poder poderia destruir todo o santuário.
Quando Seiya lutou com Aldebaran “mesmo não tendo sido intencional, Seiya gerou o Big Bang que nem os cavaleiros de ouro conseguem facilmente” (note, não conseguem FACILMENTE, o que quer dizer que alguns conseguem), como Milo disse “há uma GRANDE DIFERENÇA entre aquele que possui o sétimo sentido e aquele que só está começando a desperta-lo", e isto é fato! Podemos atribuir a “vitória” de Seiya e dos outros principalmente a ajuda de Athena e Nick, pois ficou claro que seus poderes eram inferiores na maioria dos casos.
Agora veja que interessante que se alguém que só esta começando a despertar o sétimo sentido gera o Big Bang, é plausível aceitar que alguém que o possui totalmente sob domínio também possa, e também de forma mais poderosa que a que Seiya produziu.
Creio que Saga também poderia faze-lo. Hora muitas situações em animes e mangás são inseridas apenas para esclarecer certas duvidas visto que algumas vezes podem até estar fora de contexto e bem, poderia ser o caso de Regulus de Leão que era capaz de usar a Exclamação de Athena sozinho?

Não estou dizendo que Saga pode fazer isso, apenas estou dizendo que se a Exclamação de Athena tem o poder do Big Bang, e Seiya sem dominar o sétimo sentido gerou o Big Bang, Saga tendo o maior poder de combate dos cavaleiros também poderia fazer algo semelhante, então de posse dessa comparação resta apenas duas questões: Seiya realizou a Exclamação de Athena? A Exclamação de Athena com apenas um cavaleiro é tão poderosa?

Mas não é essa a questão: Segundo o Taizen, assim como é dito que no momento que Shaka abre os olhos ele esta "superior" aos outros cavaleiros de ouro, é dito que o poder destrutivo de Saga é o maior dos 12, então os 2 tem técnicas capazes de derrotar um ao outro!
Existe muitos cometários por ai que dizem:
Seiya avisou Milo do golpe de Saga, e graças a isso ele pode evitar o "golpe mortal" de Saga, assim mostrando que a Explosão Galáctica pode ser defendida.
O curioso é que quando dizem isso se esquecem de que o mesmo é possível com o golpe de Shaka, tal como Ikki o fez para derrotar Shaka.
Pensando sob outra ótica: Saga é capaz de retirar os sentidos também, e se ele retirasse a visão de Shaka? Isso impossibilitaria que ele usasse sua técnica.
Antes que comentem besteira, o que vou dizer a seguir é minha opinião ok, então sinta-se a vontade para concordar ou discordar.


Dentro do universo de CDZ existe basicamente 2 tipos de técnicas:
Diretas
Ou seja golpes que causam dano direto ao adversário, o exemplo mais simples disso seria o Cólera do Dragão de Shiryu, que nada mais é do que um soco com uma força destrutiva maior.
Indiretas
Aquelas técnicas que causam algum “efeito” no adversário e esse “efeito” é que o derrota, exemplo disso: As Rosas Diabólicas de Afrodite, em que o golpe envenena o adversário, depois o veneno é que destrói o inimigo.


Outra coisa interessante é aquela “lenda” de que um golpe não funciona 2 vezes contra um mesmo cavaleiro.
Essa “lenda”, não tem nada de magia ou coisa parecida, o golpe apenas não funciona uma segunda vez pois o cavaleiro já conhece o golpe e sabe como se defender dele. Foi exatamente o que aconteceu na luta de Ikki contra Hyoga, graças a experiencia que o Cisne Negro lhe passou ele soube se defender de Hyoga e o golpe não funcionou!


Mas o que isso tem haver com as técnicas diretas e indiretas?
Calma que vai fazer sentido...


Seiya é o melhor em mostrar um golpe funciona uma segunda vez se este for executado mais poderoso que a primeira vez!
Como disse Shiryu:
Cada vez que ele aplica um deles, os meteoros ficam mais perfeitos.
E no caso o próprio Shiryu disse o versinho batido:
Um golpe não funciona duas vezes contra um cavaleiro.
Mas como Seiya fez os meteoros ficarem mais poderosos a cada vez que ele usava, o golpe funcionou de novo, e de novo, e de novo...


Bom, mas e ai?


Caso 1
Quando Ikki lutou contra Aiacos de Garuda, Aiacos usou seu golpe Voo de Garuda, que logicamente era um golpe indireto, pois ele arremessava o adversário para o alto e este sofria o dano pelo impacto contra o chão e não pelo golpe em si. Na primeira vez que ele usou Ikki sofreu o dano, já na segunda Aiacos afirma jogar Ikki mais alto para que o golpe fosse mais forte, mas o golpe mesmo mais forte não funcionou em Ikki.
Caso 2
Quando Ikki lutou com Saga, Saga usou a Explosão Galáctica contra ele, e o feriu gravemente, e como Ikki ainda resistia, Saga usou a Explosão Galáctica novamente com mais poder e matou Ikki. A Explosão Galactica é obviamente do grupo das técnicas diretas, ou seja, causa dano diretamente ao adversário.


Ainda não intendeu o que eu quis mostrar?
É simples:
Aparentemente no universo de CDZ um golpe funciona mais de uma vez se for feito mais forte que o anterior sim, mas as chances de isso acontecer são maiores se for um golpe direto. Ou seja: Fazer com que uma técnica indireta funcione de novo é muito mais difícil do que fazer que uma direta tenha efeito novamente.
A questão aqui fica pelo fato de que:
A técnica mais poderosa de Saga é direta.
A técnica mais poderosa de Shaka é indireta.

Então se olharmos por este lado as chances ficam mais a favor de Saga do que de Shaka.

Ta bom, mais eu falei e falei mais não disse nada sobre o porquê de o Sopro de Athena ser O ÚNICO meio de vencer Shaka.
Ok o que vou dizer agora é só minha opinião, sinta-se a vontade pra concordar ou discordar ok.
Das 2 uma! Ou isso é um BAITA ERRO NO ROTEIRO, ou Shaka não foi morto com o Sopro de Athena!
Vou explicar:
Supostamente Shaka foi desintegrado junto com sua armadura, mas então como ele estava com ela no mundo dos mortos?
Tal como Afrodite e Mascara da Morte usaram a Extinção Estelar para sair de fininho para o castelo de Hades, Shaka poderia ter feito o mesmo com a Exclamação de Athena?
Se for esse o caso quando Shaka disse o único meio, não se referia a sua derrota, mas sim a um único meio de passar para o mundo dos mortos sem ser notado.
Seja isso uma verdade ou mera "doidura" minha sabemos que sua armadura precisava estar inteira fisicamente para que ele a usasse no mundo dos mortos então no minimo é um furo no roteiro...

Como eu disse antes a única coisa que eu realmente levo em consideração é o que é dito:
***Esta ultima imagem trata-se de um erro de tradução. Na verdade diz algo como: Ele era muito poderoso...

Pois Saga é o único dito como mais forte dos 12 durante as sagas!
Mais isso não significa que ele seja invencível, pois todos os cavaleiros de ouro tem suas particularidades, como por exemplo o esquife de gelo de Cammus que nem mesmo outros cavaleiros de ouro poderiam quebrar, ou a rosa branca de Afrodite que nem os cavaleiros de ouro tem poder pra se esquivar...
Shijma de Virgem atingido pela rosa branca de Cardinale de Peixes.

Vencedor: Como já disse Stan Lee: Em um combate entre dois "Super Heroes" ganha quem o escritor quiser que ganhe...


*Cavaleiro das Sombras... ...seria ele o mais poderoso?

Shaka vs Goku

Em Episode G é dito que o único a controlar perfeitamente o nível de supernova é o Shaka, entretanto não diz se ele supera Saga e Aiolia com esse controle, embora este mangá não tenha o roteiro de Kurumada, realmente da impressão SIM que o Shaka é mais forte que o Saga, porém quem sabe se trate da mesma situação de Kurilin e os outros na luta contra os Saiajins, Kulinin, Gohan, Picolo, todos ali controlavam o Ki perfeitamente, muito melhor que os Saiajins, mas nem por isso eles ganharam, ao contrario muitos ali morreram sem nem ferir Napa.
E por quê você citou Dragon Ball, o que tem haver?
Acho apropriado, pois no mangá Shaka diz isso aqui:
Son Goku se dizia imbatível, ele também está a mercê de Buda!

Claro que Son Goku é o deus macaco da lenda chinesa, que o Akira Toriama usou, principalmente na primeira saga que é nada mais que aquela lenda budista contada pele "ótica de Akira Toriama", mas todos sabemos que o Kurumada não citou isso por causa dessa história e sim por causa do Dragon Ball não é mesmo? hehe, na verdade as pessoas (no Japão) sempre os compararam, ou seja, Akira Toriama e Massami Kurumada.
Tanto que entrevista Kurumada já disse o seguinte:
  • Penso que Toriama seja como ouro, que reluz por si mesmo, enquanto eu sou um metal que tem de ser polido e trabalhado todos os dias. Mas desde que seja sempre polido, posso brilhar tanto como ele.

A Trolagem de Kurumada
Ok, realmente essa "entrevista" carece de fontes, então como não podemos provar sua veracidade, considere o texto abaixo uma mera "zueira"...

Entrevista com Kurumada 08/09/2007
Em uma entrevista, Masami Kurumada foi questionado sobre Kamus e Milo serem gays, já que pra muita gente, eles são um dos casais mais famosos no mundo Yaoi. Kurumada soltou uma risada discreta e disse que aquilo é só uma grande amizade, mas que até acha interessante deixar uma margem de dúvida, para ser um Fan Service. Ele disse ainda que se fosse para colocar alguém como gay, COLOCARIA SHAKA, ou então Afrodite. Mas acredita que Afrodite só poderia ser considerado homossexual no ocidente, já que no japão sua aparência é natural, então Shaka poderia ser realmente gay...
(Créditos ao Gerson da Comunidade Cavaleiros de Ouro)



Teoria do Universo Paralelo

Agora vou lançar uma nova teoria, que eu considerei (espero que você também considere) bastante interessante!
É a teoria dos universos alternativos em Saint Seiya. Mas primeiro uma breve explicação do que seriam universos alternativos.
Imagine que você esta andando em uma estrada e chega a uma bifurcação, você tem de escolher direita ou esquerda certo? Suponhamos que você escolha a direita, porém a escolha da esquerda também era uma possibilidade, na teoria dos universos alternativos esse “possível futuro” poderia não estar perdido, em algum ouro universo, um outro você pode muito bem ter escolhido tal caminho e agora temos 2 futuros alternativos!
Bom esta teoria pra mim parece mais uma questão filosófica do que teoria de fato, porém se incluíssemos “viagens no tempo” poderia ser bastante plausível, como no caso de Dragon Ball Z, quando Trunks volta do futuro para impedir a morte de Goku e dos outros, no fim a terra é salva e todos continuam vivos, mas no mundo do futuro de Trunks nada muda, porque tudo já havia acontecido, isto é, criou-se um universo alternativo.


Em HQs e desenhos americanos isso é muito comum, como o filme da liga da justiça Crise em duas Terras, ou mesmo na serie quando eles enfrentam os Lordes da Justiça. Fato interessante é que quando saiu o filme do Espetacular Homem Aranha todo mundo reclamou por ser diferente do anterior, isso porque o pessoal que vê os filmes não conhece o conceito de universos paralelos, lembra-se deste episodio?
Como diria Lex Luthor: Alguns universos seriam radicalmente diferentes um dos outros, outros seriam tão parecidos, com exceção de “algum evento significativo” que você poderia passar uma vida observando e nunca encontraria uma distinção entre eles.
Outra possível teoria de universos alternativos seria a do arranjo dos átomos:
Imagine uma pulha de pedras, onde você encontra uma quadrada ao lado de uma redonda e logo após uma triangular, ao redor dessas 3 pedras em particular não existiria a mesma sequencia, porém se procurar em outros lugares pode ser que você encontre o mesmo padrão da sequencia. E teoricamente, poderia haver em algum lugar do universo, uma área com átomos agrupados exatamente como aqui na terra, formando uma outra terra ou outro universo.
De fato em uma experiência feita com um pedaço de metal, resfriado até próximo do zero absoluto e depois energizado com eletricidade, o computador acusava que o matéria estava carregado com energia e descarregado ao mesmo tempo, poderia ser isto uma evidencia de universos alternativos, já que elétrons podem estar em 2 lugares ao mesmo tempo, e deixar d existir e continuar a existir simultaneamente.


Bom, mas estou me desviando muito do assunto, voltemos a ele:
Fato é essa questão de universos alternativos não é exclusiva dos HQs, muitos mangás e animes também tem o conceito, o que acontece é que diferente dos HQs um universo não interage com o outro, muitos dos casos de chamados Spin Offs, são nada mais que historias alternativas, isto é em alguns casos são oficialmente rotulados de universos alternativos.


Como todos sabem Cavaleiros do Zodíaco não foi o primeiro trabalho de kurumada, o primeiro profissionalmente foi Ring ni Kakero, que conta a história de Riuji, que nada mais é que “um Seiya lutando boxe”.
Como é costume nos mangás de Kurumada os personagens são geralmente parecidos com os de outro mangá, mas uma coisa interessante é que ele mantém uma certa relação entre eles, mantendo detalhes mais ou menos parecidos com o outro personagem de outra serie, exemplo:
Na serie B't X o personagem principal Teppei (Marlon na versão latina), possui uma técnica (Punho de Luz) que na verdade é o meteoro de pegasu, no Fuma no Kojiro tem um Shiryu de cabelo branco que usa golpes de gelo que se assemelham ao Pó de Diamante, ainda no mesmo anime e mangá existe um personagem (não me lembro o nome) identico a Shaka e cego de um dos olhos. Repare que sempre há uma relação, e embora isso não tenha sido dito de maneira oficial, parece um caso de "realidades alternativas” tal como citei acima, quem conhece estes outros animes, sabe que esta visão é bem “compatível” por assim dizer.
Fato é que em Ring ni Kakero existe um personagem idêntico ao Seiya (Riuji) que enfrente um idêntico ao Saga (Kenzaki), e uma relação entre esse tal Saga e esse Seiya poderiam ser os dubladores de ambos que aparentemente são os mesmos dos respectivos personagens de Saint Seiya.
Kenzaki Jun tem uma relação com os “Braços de Ferro” do Saga, embora inicialmente os “Braços de Ouro” de Kenzaki estejam machucados.
O mais interessante é a técnica especial do personagem: Galáctica Magnum, seria só mais uma coincidência, ou será que é uma outra versão do Galaxiam Explosion?
E como acontece no fato de Seiya e Saga.
Riuji é excepcional, acima da média e embora seja o único capaz de dar trabalho a Kenzaki, ele acaba perdendo o combate!
Mais agora vem algo que me chamou uma atenção especial no episodio piloto da serie, que seria a luta entre "Saga e Shaka", na qual o "Shaka" até que dá trabalho, mas ele não é de fato pareô pro "Saga", segue as prints...
As cores aqui estão um pouco diferentes, na realidade de todos os personagens, este que deveria parecer o Saga esta mais para "o grande Jabu" (kkk...) ou o Aiolia não acha? Mas isso é o episódio piloto, mais tarde isso foi corrigido, pra coincidir (propositalmente ou não) com os respectivos personagens de Sant Seiya, repare como nos prints anteriores as cores de Kenzaki estavam diferentes.

Me fala se esse cidadão ai não é o Shaka? É ele poh!!! Em suas horas vagas quando não esta defendendo o Santuário ele foi se meter a lutar boxe, curiosamente representado justamente a Grécia (sim eu sei que Shaka nasceu na Índia, porem atualmente ele reside na Grécia, quem sabe ele não se naturalizou lá, kkk...). 
Tal como eu havia citado em outra parte da analise esta imagem tem uma semelhança notável com a Explosão Galáctica de Saga na saga Hades Santuario, trata-se de uma cena reciclada de Saint Seiya, especificamente da Explosão Galáctica de Saga, seguindo esta linha de raciocínio, de versões paralelas, reciclar este efeito em particular pode ter sido intencional para evidenciar ainda mais o personagem como paralelo de Saga.
Compare:
As evidencias apontam para que seja esta mais uma situação em que tentaram “evidenciar” Saga como mais poderoso, já que Kurumada gosta mais de Ring ni Kakero do que de Saint Seiya e do meu ponto de vista ele possivelmente tentou recriar o Riuji na pele de Seiya e Kenzaki na pele de Saga, as evidencias apontam para isso.
Embora a teoria me pareça, bastante valida, todos sabemos que EVIDENCIAS não são o mesmo que provas, entretanto, no caso de um mangá, um anime e outras coisas assim, as evidencias podem ser “plantadas propositalmente”! Talvez realmente não passe de mera coincidência, porém um “conjunto de coincidências” já pode ser descartado como coincidência...


*Nota: As cena reciclada de Saint Seiya acima teve o seguinte motivo:
A produção da Saga de Hades e de Ring ni Kakero acontecia em paralelo, porém a Toe ciente de que Ring era inferior ao seu concorrente Hajime no Ippou, deu mais verba a Saint Seiya pois este teoricamente “era um melhor negocio”, porém Kurumada queria que a verba maior fosse pra Ring e não pra Saint Seiya, o resultado disso é que as duas verbas foram diminuídas, então com a pouco verba foram feitas aquelas animações “duvidosas” da Saga de Hades Inferno e Elísios, e Ring ni Kakero também sofreu com essa falta de verba a ponte de também ter de reciclar uma ou outra coisinha de Saint Seiya...


Deixo agora algumas imagens meramente ilustrativas de mais coincidências nas series...
 Shum e Sorento, evidenciando as mesmas “relações” de CDZ???
Cores reais de Afrodite.

Bônus: Saga Saga

A algum tempo um anuncio da Toe causou uma certa polemica na internet, foi a tão falada "Saga Saga", muitos disseram que se tratava de um anime Spin Off com Saga como o protagonista, outros disseram que se tratava de Episode G entre outras coisas, mas enfim o mistério foi revelado e a saga de Saga não passava de um boneco do personagem Saga...

Camiseta Cavaleiro de Escorpião